quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Resenha #114 - Emily Giffin - Ame O Que É Seu

Oie Gente,

Recebi "Ame O Que É Seu" da Editora Novo Conceito já tem algum tempo e só agora resolvi tirar ele da pilha.
Como foi o primeiro chick-lit que caiu nas minhas mãos estava bem empolgada com o livro.

Tenho que dizer que o livro me causou emoções bem conflitantes.
Como uma romântica incorrigível, tenho que assumir que detestei a atitude da Ellen.
Simplesmente cada vez que ela suspirava por aquela criatura fútil minhas sensibilidades românticas ficavam irritadíssimas!
Vê lá se eu trocaria uma refeição completa por um lanchinho da tarde??? u.u Mulher louca...

Como uma pessoa prática ou cínica, até consigo entender a confusão dela. Afinal, quem nunca pensou "E se??"?!
Fiquei boa parte da leitura dividida entre dois opostos. Não sabia se odiava as atitudes da Ellen ou se entendia a sua confusão emocional...
Apesar de tudo isso, achei o livro bem legal!

Quem estiver interessado, ainda da tempo de participar do Especial de Fim de Ano In Death! "Ame O Que É Seu" está entre os livros que serão sorteados!

Sinopse: “Como amar de verdade a pessoa que está comigo, se não consigo esquecer alguém que ficou no passado?”.
O tema deste livro é aquela pulga atrás da orelha de imaginar como seria a vida se tivéssemos feitos outras escolhas. Esta é uma história para quem algum dia já se perguntou
Em Ame o que é seu o leitor encontrará a história de uma mulher (Ellen) dividida entre o amor real e aquele fatídico “ E, se”.
O casamento de Ellen e Andy não parece perfeito, ele é perfeito. São inegáveis a profundidade da devoção mútua e o quanto um esperta o melhor do outro. Mas por obra do destino, certa tarde, Ellen revê Leo pela primeira vez em oito anos. Leo, aquele que partiu seu coração sem se explicar, aquele que ela não conseguiu esquecer.
Quando o reaparecimento dele desperta sentimentos há muito adormecidos, Ellen se põe a questionar se sua vida atual é de fato como ela queria que fosse.
O desenrolar da história é contagiante, pois a cada página acontecem novas cenas que é quase impossível abandonar a leitura, ou ... não se colocar em seu lugar.
Este romance figura nas principais listas norte-americanas há 20 semanas e todos os comentários são muito parecidos: “Seus romances são cativantes e sensíveis, difíceis de largar”. É comparada pelos leitores a Marian Keys, autora de Melancia, Férias e Sushi.

Um comentário:

  1. [...] Ame O Que É Seu + Branca de Neve e o Caçador + Julieta Imortal + 2 Lápis de Crepúsculo; Foto do [...]

    ResponderExcluir