quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Resenha #122 - Michael Moritz - O Fascinante Império de Steve Jobs

Oie Gente!

Como uma das minhas metas para 2011 é combater meus preconceitos literários, resolvi encarar mais uma biografia, também foi sobre um ícone da informática. Sim, sim. Eu sou uma geek sem salvação. Eu assumo! Fazer o que, é a vida!
Dessa vez foi a Universo dos Livros que me presenteou com o livro.

Se você não é fã de biografias, curioso pela evolução de uma empresa ou não é um geek, provavelmente não terá grande interesse pelo livro.
Caso seja uma dessas coisas, o livro de Michael Moritz é uma ótima fonte de informação.
É bem verdade que o ar de "empresa-de-informática-boazinha" que as novas corporações da área tem é ainda mais desmentido do que foi com a leitura de Bilionários por Acaso, mas a volta por cima de Jobs, com os autos e baixos, também foi interessante de ler!
Provavelmente isso é meu lado-geek-de-ser falando, mas, ei!, faz parte! hehehehe
Até mais!

Caso queiram mais informações sobre o livro, podem dar uma espiadinha aqui!


Sinopse: No livro, o jornalista americano narra a trajetória desde a infância de Steve Jobs e Stephen Wozniak, como saíram do colégio e fundaram a Apple, em 1976, e como a empresa saltou de um hobby de garagem para a lista da Fortune 500. Moritz seguiu os passos de Jobs na ocasião da sua demissão sem cerimônias da Apple, sua longa luta para erguer a empresa de computadores NeXT e a aquisição do então obscuro estúdio Pixar, em 1986.

Também mostra como Jobs ressurgiu na Apple no final dos anos 1990 e trouxe novos ares para uma empresa em decadência, cujos produtos se transformaram em objetos de desejo e sinônimo de inovação. São momentos instigantes da história do fundador e CEO da Apple, que mostram seu estilo determinado, arrojado, irascível e temperamental.

“CEOs são, em sua maioria, produtos de uma criação educacional e institucional. Fundadores ou, pelo menos, os melhores deles, são forças da natureza irreprimíveis e indomáveis. Dos muitos fundadores que eu já encontrei, Steve é o mais fascinante”, descreve o autor.

O livro é leitura obrigatória para empreendedores, executivos, profissionais de administração que pretendem conhecer o modelo de gestão da Apple e a formação da personalidade do CEO que mudou duas vezes o mundo dos negócios. Conforme o classificou Guy Kawasaki, um entusiasta da Apple e cofundador da Alltop, o livro “é um roteiro para os empresários que querem imitar Steve Jobs”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário