sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Resenha #174 - Ally Condie - Destino

Oie Gente!

A resenha de hoje é de uma das minhas válvulas de escape durante a leitura de Crepúsculo.
Sei que ela ficou minúscula, mas é porque está suuuperrr difícil digitar só com uma mão. Até mover de lugar faz meu pulso pulsar (dãaa) e isso dói que só a peste!
Masss, deixa eu parar de blá blá blá e resenhar!

"Destino" foi, ao mesmo tempo, tudo igual e tudo diferente dos outros YA que tenho lido. (será que só eu detesto essa classificação YA? Ela sempre me deixa confusa... afinal, o que diabos é jovem adulto??? errr)

Temos uma adolescente, temos escola, temos dois gatinhos e temos ela dividida entre os dois. Mas aí acabam-se as semelhanças.
O livro é futurístico e, nele, quem controla tudo é a Sociedade. É ela quem escolhe quando você nasce, por quem você se apaixona, quando você morre, o que você come e, pior de tudo... ela controla o que você lê! (????!!!!!!!)

O que, porque tão fazendo essa cara para minha ordem de desespero? Já pensou quer horror se só pudéssemos ler aquelas coisas que alguém determinasse? E nem são muitas coisas assim... cem poemas, cem pinturas.. CEM MÚSICAS! Nossa, morri! Imagina se quem escolhesse gostasse só daquilo que você não gosta??? Pânico generalizado na minha imaginação fértil! hahahahha

Maass, voltando....
A Cassia vai fazer escolhas bem difíceis no decorrer da estória. Você, assim como eu, achará algumas insanas e absurdas... afinal, porque você escolheria manter tudo igual, quando você tem a oportunidade de fazer tudo diferente??

 Mas aí ela percebe que nada é o que ela achava e se vê diante da verdade ao descobrir que tudo aquilo que é, que vive e sente foi manipulado por outra pessoa... e tem que escolher: o que fazer?

O livro não é engraçadinho. As escolhas que Cassia tem que fazer não são fáceis e nem simples, assim como as escolhas daqueles que estão ao redor dela.

Os dois mocinhos que a deixam dividida também não são iguais aos outros.
Não vou falar sobre os dois, porque vai estragar a surpresa da leitura.
Mas os dois são totalmente fora do padrão. Um deles escolhe ajudá-la de uma maneira que a deixa mais próxima do outro... e o outro escolhe abrir mão de tudo para ensiná-la que existe mais.

O livro é ótimo e eu estou bem curiosa pela continuação.
Foi uma surpresa muito agradável na minha lista de YA, que andava meio frustrante.
Foi um mimo enviado pela Núcleo da Ideia e a leitura foi tão agradável que comecei oito da manhã e meio dia já tinha acabado!
Recomendo!

Sinopse: Cassia tem absoluta confiança nas escolhas da Sociedade. Ter o destino definido pelo sistema é um preço pequeno a se pagar por uma vida tranquila e saudável, um emprego seguro e a certeza da escolha do companheiro perfeito para se formar uma família.Ela acaba de completar 17 anos e seu grande dia chegou: o Banquete do Par, o jantar oficial no qual será anunciado o nome de seu companheiro. Quando surge numa tela o rosto de seu amigo mais querido, Xander - bonito, inteligente, atencioso, íntimo dela há tantos anos -, tudo parece bom demais para ser verdade.Quando a tela se apaga, volta a se acender por um instante, revelando um outro rosto, e se apaga de novo, o mundo de certezas absolutas que ela conhecia parece se desfazer debaixo de seus pés.Agora, Cassia vê a Sociedade com novos olhos e é tomada por um inédito desejo de escolher. Escolher entre Xander e o sensível Ky, entre a segurança e o risco, entre a perfeição e a paixão. Entre a ordem estabelecida e a promessa de um novo mundo.

21 comentários:

  1. Ainda acho que sou o único ser do planeta que não gostou de Destino. :/
    Enfim, como sempre digo: sou uma pessoa meio que do passado e essa tecnologia toda do futuro não é para mim.

    Adorei a resenha! Suas resenhas são ótimas! *-*

    Beijinhos, :*www.primeiro-livro.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Bá!

    Bom que saber que te empolgou, significa que a história tem enredo. Estou algum tempo querendo ler, mas sempre lia que o livro não era tudo o que aparentava ser. Gostei da sua resenha, pois mostrou um outro lado da história.

    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Eu sempre leio resenhas desse livro, mas nunca me animei a ler. Devo dizer que tb detesto essa denominação que inventaram... YA. Muito confuso! Na minha época era infanto-juvenil e adulto, rs. Esses YA oscilam entre os dois mundos. E eu sempre fico achando que não vou curtir, porque né. Já tou velhinha pra ler história de adolescente. rs

    ResponderExcluir
  4. Oie Ká!
    Pois é, ele é bem diferente do que temos lido, viu?
    Explora as escolhas dela e não os namoricos e romances, apesar de ter romance no livro heheheh.

    ResponderExcluir
  5. O livro é diferente dos outros do gênero, ao mesmo tempo em que é igual... dá pra entender??? kkkk

    Esse negócio de YA parece frescura kkk porque jovem adulto é juvenil... kkkkk
    então porque não chamam logo de juvenil e pronto??? hauhauhauha

    ResponderExcluir
  6. Oi Amanda!
    Ah, que nada! Aposto que tem um monte de gente que não gostou dele hauhauha
    Eu adoro livros futurísticos, sou chegada numa ficção científica, então mirabolâncias tecnológicas me deixam babando huhuahuaa

    ResponderExcluir
  7. Exclamação número 1: Finalmente descobri o que é esse tal de YA!!! *burra, se esconde*
    Exclamação número 2: Das 8 ao meio dia!!! Nossa! Pensei que eu lesse rápido mas vc superou todas!

    Voltando pro livro, estou louca pra lê-lo de tanto ouvir falar dele. Vc tem uma maneira muito especial de fazer uma resenha, estou sempre pelos blogs lendo resenhas e as suas estão entre as que mais gosto. Destino? Alguém controlando o que vou ler? Acho que prefiro escolher eu mesma e escolho ler esse livro!!

    Abs.

    ResponderExcluir
  8. hauhauhauha
    Eu só aprendi o que era YA quando eu resolvi perguntar.
    Acrônimo mais estranho hauhauahuha
    hauhauah eu leio rápido quando me empolgo... viu Crepúsculo? Levei 20... DIAS!

    Ah, eu faço resenha pra divertir... não sou crítica literária e nem escritora, pra escrever tudo certinho e seguindo aquelas regrinhas de como-fazer-uma-resenha hehehehe
    Participa da promo, quem sabe você não leva pra casa??

    ResponderExcluir
  9. Concordo! No nosso tempo era tudo tão simples. Não sei por que complicar tanto! (risos).

    ResponderExcluir
  10. Oi, Ba.

    Fico feliz em saber que o livro é diferenciado de todos do gênero. Li muitas opiniões divergentes a respeito e o meu está só esperando aqui para ser lido. Até comecei a ler, mas tive que interromper a leitura. Estava achando muito interessante.

    Concordo com você em relação ao gênero YA. Também me sinto confusa! (risos).

    Ansiosa para saber qual foi a escolha da personagem.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Romances e Leituras28 de agosto de 2011 09:43

    Ainda n tinha lido nenhuma resenha desse livro, acredita?

    Acho que gostei... pode ser uma boa leitura!

    Dica anotada!

    ResponderExcluir
  12. Hummm, então quer dizer que o livro é ótimo!
    Eu tenho ele aqui em casa esperando a sua vez de ser lido que não chega nunca, que coisaaa!
    Quero muiro pegar ele para ler, sou super curiosa com esta história tão normal e diferente ao mesmo tempo.

    Balaio de Livros.

    ResponderExcluir
  13. Tomara que você goste quando você ler. Confesso que, pra mim, foi uma grada surpresa =D

    ResponderExcluir
  14. Eu li algumas, confesso... fiquei dividida, porque uns só diziam que era bom e outros que era ruim... a´´i, né... só lendo pra resolver hahahaha

    ResponderExcluir
  15. Oie Vanessa,
    Leia, só assim pra você entender.. é aquela coisa de elementos comuns e elementos diferentes que deixa ele tão peculiarmente... diferente do usual  XD

    ResponderExcluir
  16. Pra nos deixar doidas, tentando entender o que é YA, X, R, XR, GT, Nc17, etc etc etc etc huahauhauhauha

    ResponderExcluir
  17. Eu tenho uma wishlist, onde esse livro está, mas eu acabei dando prioridade para IAN. Já que tive a infelicidade de errara aquela maldita pergunta, lembra?
    Então esse foi para baixo na lista. Mas estou muito curiosa. Gostei muito da sinopse e da sua resenha :) Vou torcer aqui, para o random me encontrar kkkkk

    ResponderExcluir
  18. Ah nunca tinha ouvido falar desse! Vou manter em mente para uma leitura no futuro! :)
    #fui!

    ResponderExcluir
  19. Muita vontade de ler o livro!O assunto e a reflexão que a autora faz devem ser demais!!!
    As capas também são ótimas, a do segundo deixa uma mega ansiedade pois a pessoa literalmente quebra a "bola", e a ansiedade, onde fica?

    ResponderExcluir
  20. que maaassa,deu muita vontade de ler o livro agora...
    quem será que ela escolhe? woooooww
    to ansiosa agora...
    vou lê-lo com certeza!

    ResponderExcluir
  21. territoriodascompradorasdelivr24 de setembro de 2011 07:31

    A capa do livro é maravilhosa e a história deve ser muito boa! bjs *-*

    ResponderExcluir