terça-feira, 18 de outubro de 2011

Resenha #193 - Gena Showalter - O Prazer Mais Sombrio

Oie Gente!!


A resenha de hoje é dedicada especialmente à Betinha, culpada por mais um de meus vícios literários: Senhores do Mundo Subterrâneo!


A série, que trata sobre guerreiros possuídos por diversos demônios, começa com a abertura da Caixa de Pandora por um grupo de guerreiros, espalhando pelo mundo todos os males. Como castigo, os Deuses aprisionaram os piores demônios no corpo dos guerreiros.
Violência, Morte, Dor,  Mentira, Dúvida e vários outros demônios, vieram para a terra quando os guerreiros foram banidos do Olimpo.
Os guerreiros, que ainda não controlavam seus próprios demônios, causaram grandes desgraças no mundo, passando a ser perseguidos pelos  Caçadores, que buscam a séculos a destruição dos Senhores.


Em O Prazer Mais Sombrio temos como casal central o Reyes, guardião da Dor e Danika, que foi condenada à morte pelos Deuses e que vem sendo caçada por Aeron nos últimos meses.
Agora os dois estão juntos e tem que encontrar uma maneira de evitar que ela acabe morta.


Eu adooooreeeiiii o livro! Ok, ok, eu gostei de todos, mas nesse você tem algumas escolhas tão difíceis, tão complexas e tão impossíveis que você acaba se compadecendo dos personagens.


De um lado temos um homem apaixonado, preso ao prazer da dor. Do outro, temos uma mulher assombrada por pesadelos, dividida entre o amor e o ódio. Para complicar tudo ainda mais, a Gena torna o sofrimento do Aeron tão pungente que você fica desesperado ao saber a escolha que eles terão que fazer.
A Gena tem um estilo de escrita totalmente dela. Por mais que você já tenha lido milhares de romances sobrenaturais (esse é o meu caso), você não vai ficar comparando-o com outros. Ele é tão diferente, tem tantas características especiais, que você vai terminar de ler, ficar desesperada pela próximo e se maldizer por ter demorado tanto para começar.
Ah, esqueci de dizer que essa série é ambientada em Budapeste? Ou seja, nada de cenários comuns e batidos!


Tem cenas tóoorrriiiiddaaasss de amor, paixão a flor da pele, lutas, guerras, sangue e muito, muitos homens sexies!
Não preciso mais explicar porque eu gostei, certo? rsrs


 O.que.é.o.Reyes? Gentem!
Você vai ler, dizer "oowwnnn" e querer pegar ele no colo! Nossa, mas ele é tão... tão... tão tudo!
Acabei um pouco mais apaixonada por ele e estou tendo que me controlar para não largar tudo e ir ler o livro seguinte!
É absurdamente v.i.c.i.a.d.o.r!!!!
Então, já sabe! Se gosta de livros maravilhosos e está querendo mais um vício, corra e leia!
Você não vai se arrepender!
Até!


Sinopse: Há milênios, quando os deuses habitavam o mundo, doze gregos foram condenados a carregar por toda a eternidade os espíritos malignos que libertaram da caixa de Pandora. Agora, eles precisam encontrar a única relíquia capaz de dar fim a seu sofrimento... ainda que possa destruí-los. Guardião de Dor, Reyes enfrenta um dilema mais dilacerante do que as garras de seu demônio. Embora desejasse Danika Ford, uma humana comum, ele deveria escolher entre o seu amor e a lealdade a um dos guerreiros acometidos pela maldição: Aeron, guardião de Ira, a serviço dos deuses para aniquilar Danika e toda a sua família. Se Reyes permitisse que Aeron cumprisse sua missão, perderia a única mulher capaz de proporcionar um prazer maior do que a dor. Entretanto, ao neutralizar seu companheiro, Reyes abrira uma brecha para que Danika fosse capturada pelos Caçadores, cujos planos eram torná-la uma Isca. Agora, deverá arriscar a própria alma para savá-la. Ainda que estranhe o fato de os deuses desejarem a eliminação de uma mera mortal.

13 comentários:

  1. Só li o primeiro desta série, estou me segurando pra ler os outros. O encontro do Reyes e da Danika no primeiro livro é muito fofo, fiquei imaginando como isso iria se desenrolar e porque ela deve ser assassinada pelo Aeron. Vou ter que ler logo, já que é tão bom assim!

    Abs.

    ResponderExcluir
  2. Que fofooooo, uma resenha dedicada pra mim (pula pelo quarto). Agora, sério: aeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee, mais uma no barco!!! Fui empurrada para ler esta série, mesmo não sendo muito fã de romances sobrenaturais, e não me arrependo. Estou contando dias para o próximo lançamento e sonhando com a história de meu amado Amun *.* :D

    ResponderExcluir
  3. Oi!
    Ei amoooo o Reyes, é meu guerreiro favorito. Desde o primeiro livro cultivei uma curiosidade morbida por ele. rsrs
     Mesmo ele sendo possuido pelo demonio da dor, não há perversão. Gena conseguiu mostrar o lado doce e brando do guerreiro atormentado.
    Eu tbm amei O Prazer Mais Sombrio!
    BJs

    ResponderExcluir
  4. Ah... Eu tenho curiosidade quanto a essa série, pena que ainda não li nada! Buáááá! Mas pretendo remediar isso em breve, já que dizem que é mesmo tudo de bom! 
    Adorei a resenha!
    Bjus,
    Náh

    ResponderExcluir
  5. Oi, Bá!

    Já vou avisar já: não vou ler, não vou ver, não vou querer saber nada dessa série!!!

    Ok?

    Já me viciei por várias séries que você indicou, e agora estou perdida para conseguir todas!

    hahahaha

    Bá du mal....

    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Gente do céu, eu sou fã desta série, nem tenho o que dizer dela. Adoro! Bj, Rose.

    ResponderExcluir
  7. Eu li e adorei!
    Essa série é ótima, até agora nenhum me decepcionou.
    A Noite mais Sombria é o meu perferido ainda!

    ResponderExcluir
  8. Já li o livro e é ótimo, como toda a série por sinal.
    O Reyes é tão apaixonado e sofre tanto por isso que é de partir o coração. Ainda bem que tudo termina deliciosamente bem! rs
    Bjkas,
    Monique Martins
    MoniqueMar
    @moniquemar

    ResponderExcluir
  9. Eu adorei esse livro e essa série... A Gena criou um mundo tão espetacular que te prende mesmo.
    E menina esse amor todo da Beta acaba te deixando meio apaixonada também kkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  10. Vai ler sim, vai ler sim, vai ler sim!
    Vou fazer você viciar em absolutamente todas as séries nas quais sou viciada!
    Você, a Carla e todas as minhas vítimas favoritas! hauahuaha *risada maligna*

    ResponderExcluir
  11. Exatamente, Hérida!
    Ele sofre toda vez que precisa buscar seu prazer!
    É tão... profundo!
    Bjks!

    ResponderExcluir
  12. A meu pai Barbara voce esta fazendo uma mulher sofrer muito agora. depois desta resenha era o que me faltava pra compra o primeiro da coleção creio que a primeira resenha que leio sobre a coleção adorei a tua resenha. quando comecei a entrar no mundo dos livros isso tem pouco tempo uns 3 meses eu acho, fiquei apaixonada pelo nome A paixão mais sombria.Participei da promoção e ganhei ai fiquei sabendo que era o 5, pronto fiquei arrasada agora tenho que compra urgente esta coleção ja basta a coleção do IAN que quero mais q tudo.Nem sei qual compro primeiro

    ResponderExcluir