segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Brasileiríssimo #03 - Janethe Fontes - Doce Perseguição

Oie Gente!brasileirissimo


Vocês sabem que eu sofro de Dramafobia, né? É só ver um que tenho desejos de sair correndo!
Por conta disso, apesar de ter adorado todos os livros da Janethe, sempre que eu vejo um me aproximo dele com bastante cautela.


Então, quando peguei 'Doce Perseguição' para ler e percebi que ele tem uma dose deliciosamente generosa de suspense, foi uma maravilha!


Porque vocês sabem, né, do mesmo jeito que sou Dramafóbica, sou altamente dependente de Suspenses!


Graziela voltou para se vingar. Após a morte da irmã e a liberação do assassino, ela percebe que precisará juntar provas para envia-lo de volta para a cadeia.
O problema? Ela, mesmo depois de todos esses anos, ainda é apaixonada por ele.


Eu adorei o livro. Gostei da trama, da medida de drama que a Janethe usou e da capacidade incrível que ela teve de esconder quem era o culpado até a última página.


Quando eu cheguei no final do livro e descobri quem era responsável por todas as cosias fiquei tão passada, mas tão passada, que durante horas me perguntei como não vi isso antes, já que estava absolutamente na cara.


Para quem gosta de um bom suspense e torce o nariz para dramas (ou tem pavor deles, como eu), é uma pedida ótima, cheia de reviravoltas, surpresas e personagens muito, muito malvados. rs


Recomendo!


SINOPSE - SKOOB GIOSTRI EDITORA - SITE DA AUTORA - EXTRA - PONTO FRIO - CULTURA


sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Resenha #372 - Stephanie Perkins - Lola e o Garoto da Casa ao Lado - @Novo_Conceito

Oie Gente!


Essa semana eu resolvi me aventurar pelas Caixas da Novo Conceito e catei de lá o 'Lola e o Garoto da Casa ao Lado', que foi o que eu achei com a capa mais fofinha.
E, gente, não é só a capa que é fofa!


'Lola' é uma garota de 17 anos, cheia de atitude e estilo, que namora um carinha bem mais velho, apesar de todo o nervosismo que isso causa aos dois pais dela.
Depois de vários meses de muita felicidade, ela começa a ter problemas com o namorado, a mãe biológica aparece para confundir a cabeça dela e o que é pior, o Garoto da Casa ao Lado está de volta!


Eu me diverti muito lendo esse livro. Não teve uma parte que não resultasse em uma risada, um sorriso ou um momento divertido.


A Lola é bem divertida, apesar de ser um pouco confusa com sua situação familiar, com seus sentimentos pelo 'Garoto' e com muitas outras coisas, exatamente como todas as garotas da sua idade foram em algum momento da vida.


O que eu achei mais legal em tudo é que mesmo não tendo qualquer saudades daquela época, consegui me identificar com os personagens, com as situações e com os sentimentos dos personagens.


Achei ele a coisa mais fofa de todos os tempos e depois que terminei de ler e fui trocar figurinhas com o pessoal do Café Com Livro, me disseram que o outro livro dessa autora é do mesmo jeito.
Vocês sabem que eu sou bem chatinha com livros YA, né? Mas esse foi realmente perfeito. Tudo combina com o comportamento da idade, o clima é divertido e dramático (como a idade) e ele consegue encantar tudo e todos.


Me deixou bem curiosa para ler 'Ana e o Beijo Francês', que já pedi emprestado para as amiguinhas. hehehe
Então goste ou não de YA, recomendo que você dê uma chance à 'Lola' e seu 'Garoto da Casa ao Lado', porque você não vai se arrepender!


Recomendo!


SINOPSE - SKOOB - NOVO CONCEITO - SITE DA AUTORA - SARAIVA - CULTURA - FNAC - BOOK TRAILER
LOLA AND THE BOY NEXT DOOR - GOODREADS - BOOK DEPOSITORY

Resenha #372 - Stephanie Perkins - Lola e o Garoto da Casa ao Lado - @Novo_Conceito

Oie Gente!


Essa semana eu resolvi me aventurar pelas Caixas da Novo Conceito e catei de lá o 'Lola e o Garoto da Casa ao Lado', que foi o que eu achei com a capa mais fofinha.
E, gente, não é só a capa que é fofa!


'Lola' é uma garota de 17 anos, cheia de atitude e estilo, que namora um carinha bem mais velho, apesar de todo o nervosismo que isso causa aos dois pais dela.
Depois de vários meses de muita felicidade, ela começa a ter problemas com o namorado, a mãe biológica aparece para confundir a cabeça dela e o que é pior, o Garoto da Casa ao Lado está de volta!


Eu me diverti muito lendo esse livro. Não teve uma parte que não resultasse em uma risada, um sorriso ou um momento divertido.


A Lola é bem divertida, apesar de ser um pouco confusa com sua situação familiar, com seus sentimentos pelo 'Garoto' e com muitas outras coisas, exatamente como todas as garotas da sua idade foram em algum momento da vida.


O que eu achei mais legal em tudo é que mesmo não tendo qualquer saudades daquela época, consegui me identificar com os personagens, com as situações e com os sentimentos dos personagens.


Achei ele a coisa mais fofa de todos os tempos e depois que terminei de ler e fui trocar figurinhas com o pessoal do Café Com Livro, me disseram que o outro livro dessa autora é do mesmo jeito.
Vocês sabem que eu sou bem chatinha com livros YA, né? Mas esse foi realmente perfeito. Tudo combina com o comportamento da idade, o clima é divertido e dramático (como a idade) e ele consegue encantar tudo e todos.


Me deixou bem curiosa para ler 'Ana e o Beijo Francês', que já pedi emprestado para as amiguinhas. hehehe
Então goste ou não de YA, recomendo que você dê uma chance à 'Lola' e seu 'Garoto da Casa ao Lado', porque você não vai se arrepender!


Recomendo!


SINOPSE - SKOOB - NOVO CONCEITO - SITE DA AUTORA - SARAIVA - CULTURA - FNAC - BOOK TRAILER
LOLA AND THE BOY NEXT DOOR - GOODREADS - BOOK DEPOSITORY

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Terça Sobrenatural (na Quinta!) #45 - J.R. Ward - Amante Renascido - @UnivDosLivros

OOOOOOOOOOOOIIIIIIIIII GGGEEEEEEENNNNNNTTTTEEEEEE!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!vampirão - Cópia


Eu sei, eu sei, vocês vieram aqui esperando um Banca de Quinta, né?
E estão se perguntando se a blogueira surtou depois do Natal e está achando que o segundo dia útil da semana é obrigatoriamente a Terça, o que provaria que ela é completamente pirada da silva sauro, etc, etc, mas o problema é que eu me dei de Natal o livro do Thor, Amante Renascido, e depois que ele chegou não consegui ler mais nada.


Gente, o que é aquele livro? Não estou falando do conteúdo maravilhoso, criado pela Ward. Estou falando da tradução M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-A feita pela Universo dos Livros!
Vocês sabem que eu reclamei nas outras dez resenhas dessa série por eles terem retirados os palavrões, certo? Que eu disse que deixava os Irmãos com cara de frutinhas, falando todos àqueles 'droga', 'caramba' e todas aquelas porcarias suavizadas altamente desnecessárias em um livro adulto, certo?


Então depois de muitas preces (pedidos, humilhações, xingamentos e tudo entre isso) eles finalmente deixaram todos, TODOS, T-O-D-I-N-H-O-S os palavrões lá!!


*pausa para a música de aleluia*


Ficou perfeito! Combinaram com as personalidades dos Irmãos, com o clima do livro, com o drama, a raiva, a frustração e o sexo que tem na história.
Deixou ele com cara de livro da Irmandade, cheio de guerreiros, machos fortes e poderosos que tem bem mais raça do que finesse, exatamente como deveria ter sido desde o primeiro. Os lindos tradutores, Luis Protásio e Maurício Tamboni, assim como o resto da equipe (Guilherme, Mariane, Paula, Bóris, Raíça, Raquel, Márcia e Luis) estão de parabéns e tem meus eternos agradecimentos (prometo dar casa, comida e roupa lavada se eles continuarem assim). 
Certo, tem alguns pequenos problemas na revisão, mas depois de todas aquelas palavras baixas, sujas e maravilhosas, quem estava reparando neles?????


Agora falando do livro do Thor...
Meeeeuuu Thorrr lindddoo, como você é burro!
Sério, gente, algumas das cenas do Thor me causaram desejos extremos de assassinatos. Queria esganar, fazer picadinho, pizza e pastel dele!
Como ele foi tapado! E como ele diz aquelas coisas horríveis?
Nossa, queria pular para dentro das páginas e defender aquela fofa desse macho malvado! u.u"


Não posso contar os detalhes, mas vou dizer que dessa vez tem de tudo. Casais novos, casais velhos, brigas, reconciliações, confusões, assassinatos, conspirações, violência, sexo, sexo, sexo e muita coisa mudando nos costumes da raça.


Também tem personagens fazendo as maiores burradas de todos os tempos, sendo intolerantes, estúpidos, babacas, românticos, magnânimos, incríveis, etc, etc, etc.
Preciso dizer mais alguma coisa para deixar claro o quanto eu adorei o livro?


Então agora me expliquem como é que eu vou aguentar todos esses longos meses até que 'Lover At Last' seja publicado? #aBloueiraSurtaMuito
Preciso ainda dizer que eu realmente, realmente, realmente recomendo a leitura dessa versão?
Corram já e leiam!
Beijos!


SINOPSE - SKOOB - UNIVERSO DOS LIVROS - SITE DA AUTORA
SARAIVA - CULTURA - PONTO FRIO - SUBMARINO
LOVER REBORN - GOODREADS - BOOK DEPOSITORY


sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

Sexta Picante #02 - Bella Andre - Por Um Momento Apenas - @Novo_Conceito

RESENHA COM CONTEÚDO ADULTO


Oie Gente!sextapicante


Hoje tem mais um 'Sexta Picante', dessa vez com o segundo volume da série 'Os Sullivans', publicado pela Novo Conceito e de autoria da Bella Andre.
'Por Um Momento Apenas' conta a história de Marcus, o irmão mais velho e gostosão, dono de uma vinícola e senhor de um coração partido. Ele acaba de descobrir que a noiva não é exatamente quem ele achava que ela era e decide ir a uma boate, encontrar uma mulher bem gostosa e, bem... foder até os dois desmaiarem.


Nicole é uma cantora no auge da carreira, que está passando por um momento de muita solidão. Revoltada com a fama de baladeira, resolve que vai fazer jus à ela e acaba indo a mesma boate que Marcus está, com o mesmo objetivo dele.


Quando eles se encontram na boate as faíscas entre os dois só faltam incendiá-la e os dois são atraídos imediatamente um para o outro.
O problema é que nada sai exatamente como eles esperavam.


Preciso dizer que eu adorei o livro? Não, né?
Ele é uma surpresa maravilhosa, porque depois das primeiras páginas você espera que tudo seja muito rápido e simples. Aí vem a Bella Andre e nos passa a perna, com um daqueles romances em que tudo dá errado antes de ficar tudo certo. rs


Tem a família do Marcus toda reunida em cenas engraçadíssimas, os dois metendo os pés pelas mãos e um romance apaixonante do início ao fim.
Gostei de tudo nele. Das cenas dos outros personagens, do romance entre os dois e das cenas de paixão tórridas e enlouquecedoras.
Só não gostei dos personagens patetas que ficam fazendo burradas para não dar o braço a torcer.
Tá certo que depois eles percebem o que fizeram de errado e vão fazer todas aquelas coisas fofas do final do livro, mas, né? Dá uma vontade de esgana-los! rsrs


Assim como o primeiro livro, 'Por Um Momento Apenas' também traz mais informações sobre os outros Sullivans, pequenos petiscos que nos deixarão mais curiosas (os) sobre o que virá.


Recomendo!



SINOPSE – SKOOB NOVO CONEITO – SARAIVA CULTURA - SITE DA AUTORA - FROM THIS MOMENT ONGOODREADS


quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Banca de Quinta #48 – Miranda Lee – Caminhos Cruzados – @HarlequinBrasil

Mah ôooeee!!


Banca de Quinta do fundo do baú, já que a blogueira adora esse livro e não leu absolutamente nada a semana toda. XD


Miranda Lee é a vice-rainha da revolta (ela só perde para a Tia Palmeirão), tem aqueles mocinhos que se acham o último chocolate da caixa e algumas mocinhas do tipo 'não me rela que eu sou rosa shocking'.
Em 'Caminhos Cruzados' a Miranda nos apresenta o Sebastian, um gostosão cheio de atitude, que não consegue ver que sua secretária não é parte da mobilha.
Emily acaba de perceber que está apaixonada pelo chefe (essa bobinha, eu sabia disso desde antes de abrir o livro!) e acha que não pode mais trabalhar com ele.
Faz uma carta de demissão, se prepara para entregar, até que vê seu plano indo pelos ares quando Sebastian volta de uma viagem inesperadamente.


Sendo um livro da Miranda Lee acho que todo mundo sabe o que esperar.
O palerma consegue convencer a mocinha que eles foram feitos um para o outro, mas que amor é algo inútil e que nenhum dos dois precisa disso.
A mocinha, apaixonada, aceita, até que conhece a ex-namorada, totalmente piranha, que volta do quinto dos infernos passado para tentar voltar com ele.


Quando ela percebe isso manda o casamento pelos ares e aí o bocó percebe que não pode viver sem ela, corre pelos campos verdejantes... err... tema errado... corre atrás dela e os dois vivem feliz para sempre.
Amém.


Mas aí talvez você diga "mas se isso é sempre a mesma coisa, porque você lê?".
E eu respondo: Porque é Corinthians, baby! Err... resposta errada outra vez! O.O
Eu leio porque eu addoorrroooo!! hahahaha


Eu sei, eu sei, estão olhando para o monitor e perguntando se a blogueira surtou...E eu digo que não, é que estou fazendo piada para desanuviar o clima tenso, já que até meu pobre e inocente netbook morreu esta semana. #UmMinutoDeSilêncio


Masssssssssssss como não só de netbooks mortos vive o blogue, tem sorteeeiioo benhêee!



E para participar é preciso seguir o In_Death no Twitter e tuitar a frase a seguir:


O @In_Death abriu o baú da @HarlequinBrasil e tirou de lá 'Caminhos Cruzados' pra mim! #BancaDeQuinta48 http://sorteia.eu/AC


A promoção começa hoje e vai até dia 20!


Beijos e boa sorte!


SINOPSE SKOOB - HARLEQUIN – THE RUTHLESS MARRIAGE PROPOSAL - GOODREADS

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Terça Sobrenatural #44 - Sherrilyn Kenyon - Amante da Fantasia - @NovoSeculo

Oie Gente!


Antes de começar a resenha eu preciso contar uma historinha para vocês.
Quarta-feira eu vesti o manto da Cara-de-Pau e mandei um e-mail para a Novo Século perguntando se eles tinham esse livro em estoque. Eles disseram que já havia acabado e que não poderiam atender meu pedido, o que me deixou triste, triste, já que eu estava louca para lê-lo e sem um centavinho furado no meio para comprar qualquer coisa.


Eis aí que chegou o Sábado e, com ele, o Pa Book Club. Dessa vez íamos fazer um Amigo Secreto e eu não tinha ideia de quem me havia me tirado ou de qual seria o meu presente. (confesso ser do time dos que preferem não descobrir rs)
E aí, eis que eu vejo aquele lindo pacote em formato de livro, olho para ele e penso 'eu quero esse pacote para mim!" e... não é que era o meu?
Preciso dizer que quase surtei quando eu abri o pacote e era justamente 'Amante da Fantasia' que tinha dentro? \o/!


Mas chega de história e vamos ao livro!


Imaginem só ficar presos dentro de um livro. Imaginem que cada vez que uma mulher abrir esse livro você se tornaria escravo sexual dela por um mês.
Agora imagem ser uma sexóloga que não faz qualquer sexo. Imaginem que você é uma das mulheres que acaba com o escravo sexual nas mãos.
Quando Julian da Macedônia e Grace Alexander se encontram, envoltos pelos mistérios da maldição dele, começam aí a viver uma incrível história de amor.


Eu adoro esse livro. Ele é divertido, é romântico e ainda tem um toque de vilão-terrível para dar um tempero extra. O mais legal é ver que os dois vão se conhecendo, se apaixonando e que ambos decidem abrir mão daquilo que mais desejam para que o outro seja feliz.


É o típico livro romântico, bem do jeitinho que eu gosto: declarações apaixonadas, cenas tórridas de amor e uma família absolutamente maluca para complicar (e divertir) ainda mais.


Para quem tem curiosidade em ler um romance erótico e não quer lá muitas variações, ''Amante da Fantasia'' é uma boa escolha, já que tem cenas quentíssimas e muito, muito amor.


Recomendo!


SINOPSE - SKOOB - NOVO SÉCULO - SITE DA AUTORA - SARAIVA - CULTURA
 FANTASY LOVER - BOOK DEPOSITORY - GOODREADS


segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Resenha #367 - Linda Howard - Reencontros - @BertrandBrasil

Oie Gente!


Resenhar 'Reencontros' foi uma das coisas mais difíceis que eu fiz nos últimos tempos.
Eu gostei tanto dele, mas tanto, que nada do que eu escrevia parecia expressar exatamente o quão intenso foi lê-lo.
Imaginem só:


Dois personagens fortes, decididos e apaixonados, vivendo uma situação impossível, daquelas de fazer o leitor soluçar junto com eles.


Milla Edge estava vivendo no paraíso. É casada com um homem maravilhoso, completamente apaixonada por ele e acaba de ter um bebê e está feliz como nunca imaginou ser. Até que um dia ela vê tudo desmoronar quando seu bebê é roubado de seus braços.


Dez anos se passam e ela agora ajuda outras famílias e descobrir o que aconteceu com suas próprias crianças, tentando, ainda, descobrir onde seu precioso bebê foi parar.
É durante uma dessas investigações que ela recebe uma dica anônima e acaba conhecendo James Díaz, um homem misterioso, com uma fama de assassino e um olhar mortal. Ele está caçando traficantes de humanos e os dois, juntos viverão a busca desesperada pelo destino do filho dela e de muitas outras crianças.


O livro é regado de cenas dramáticas, daquela que deixa o leitor soluçando de tanta dor. A Linda conseguiu projetar uma empatia tão grande nas palavras que até aqueles corações de pedra sentirão o peito apertar.
Mas não só de drama é feito o livro. As cenas românticas deles, as cenas dela com o ex-marido e até mesmo as cenas de reencontros são absurdamente incríveis. E, pra fechar, ainda tem vilões do tipo Odete Roitman, criaturas cruéis que vão partir o coração dos nossos personagens amadinhos e que me causaram desejos extremos de entrar no papel e matar cada um deles.


E depois de tudo isso  vem aquele final. Daquele jeito que te parte o coração e o remenda ao mesmo tempo, onde você suspira pelo que poderia ter sido, pelo que não foi e pelo que será.


Agora, vou contar uma coisinha para vocês: eu li esse livro logo quando ele saiu em inglês e só uns meses atrás eu descobri que ele havia sido publicado pela Bertrand. Aí resolvi reler e toda vez que os vilões apareciam, quando os personagens ainda não sabiam quem eles eram, eu xingava tanto, mas tanto, que vieram perguntar o que estava acontecendo comigo. rs


E se alguém for reler, duvido que não faça a mesma coisa!


O livro é maravilhoso, dramático, divertido, romântico, tudo junto e na medida certa. Apesar de não gostar de dizer isso, dessa vez preciso assumir que acho ele perfeito.
Recomendo!


SINOPSE – SKOOB BERTRAND BRASIL – SARAIVA - PONTO FRIO - CULTURA EXTRA - CRY NO MORE- GOODREADS - BOOK DEPOSITORY

sábado, 15 de dezembro de 2012

Resenha #366 - John Casti - O Colapso de Tudo - @Intrinseca

Oie Gente!


O livro de hoje não é algo que normalmente vocês veem aqui, já que não é exatamente ficção.
'O Colapso de Tudo' é um estudo sobre o que poderia acontecer com o mundo se alguns de seus sistemas simplesmente parassem de funcionar.


Se a Internet desaparecesse? Se os bancos quebrassem? E se o petróleo acabasse? O que seria do mundo se quaisquer de seus delicados pilares desmoronassem? E nós, tão acostumados com tudo ao alcance de um único toque, como iríamos sobreviver?


"O mundo moderno, tecnologicamente avançado e globalizado, adquiriu um grau de complexidade nunca visto na história da humanidade - porém seu equilíbrio é tão precário quanto um castelo de cartas. É o que o renomado cientista de sistemas John Casti expõe, de forma cristalina, em seu novo livro. Basta o empurrãozinho do inesperado para que a civilização, como a conhecemos entre em pane, com consequências graves para o modo de vida a que estamos acostumados. Casti examina a probabilidade de ocorrência de eventos extremos (ou eventos X, como denomina) provocados pelo próprio homem, indo de um prolongado apagão na internet ao esgotamento dos combustíveis, de uma pandemia global à desativação de todos os aparelhos eletrônicos por um pulso eletromagnético. E o mais assustador, como aponta Casti, é que todos os eventos catastróficos apresentados no livro já aconteceram antes."


Achei bem bacana a abordagem dele dos temas. Ele apresenta fatos e usa nossa própria história para explicá-los, assim como os motivos dele achar que eles poderão voltar a acontecer.
Mas eu preciso confessar um pecado... eu só peguei esse livro para ler porque tenho um conhecido que acredita piamente na imediata extinção da civilização e alega todo tipo de catástrofe/desgraça para justificar.
Aí resolvi ler o livro e ver se encontrava algum fundinho de verdade.
E até tem, sabem... mas você percebe que o próprio autor trata tudo como uma hipótese, uma possibilidade bastante remota.


Nada que justifique certos... errr.... exageros. *cof cof*


É uma leitura diferente, mas não sei se fará o perfil de todo mundo.
Eu, no geral, gostei.


Beijos!


SINOPSE - SKOOB - INTRÍNSECA - SARAIVA - EXTRA - CULTURA - PONTO FRIOX-EVENTS


 - GOODREADS - BOOK DEPOSITORY

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Sexta Picante #01 - Sylvia Day - Toda Sua

Oie Genteeeeeee!!!


Eu sei, eu sei, esse 'oi gente' todo empolgado me entrega completamente, né? Ganhei ele de presente de dia das crianças (rá-rá) de uma amiga (Lara linda, te love u!) e garrei nele assim que chegou para ler.
Mas o que eu posso fazer se eu aaaaadddoooorrreeeeeiii (é, tudo isso aí de exagerado) 'Toda Sua'?


Publicado pela Editora Paralela, selo da Companhia das Letras, 'Toda Sua' conta a história de Eva Tramell e Gideon Cross, duas pessoas cheias de traumas, medos e problemas.


Ela acaba de se mudar para Nova York e vai começar a trabalhar como assistente de uma empresa de publicidade e tudo que espera é poder curtir a cidade e aproveitar o novo emprego.
No primeiro dia ela esbarra em Gideon Cross, um homem poderoso, dominante e deliciosamente gostoso.
Ele é um homem muito rico, mas nem um pouco feliz.
Sua família é cheia de problemas, sua infância foi uma tragédia e encontrar Eva Tramell foi, para ele, um presente inesperado.


Uma coisa que eu senti no livro logo nas primeiras páginas é que apesar dele ter em comum o mote (mulher submissa, homem poderoso, encontros e desencontros) a semelhança é apenas essa. O "clima" do livro é bem mais adulto e tenso e os dois personagens tem muitos problemas, assim como medos, dores e crises próprias.


Dá para perceber também que a autora fez questão de mostrar que uma situação ruim pode e deve ser superada, mas que a pessoa precisa se esforçar para isso.

E esse foi um dos motivos de eu ter gostado tanto do livro. Os dois personagens resolvem que, juntos, vão superar o passado, que não vai deixar o que outras pessoas fizeram com eles destruir o que poderão construir juntos.
Mas a autora não faz isso fácil. Acontecem muitas coisas ruins com os personagens durante o livro e isso vai fazer você sofrer sobremaneira.


Para quem gosta de romance erótico é uma ótima pedida, já que ele não é tão suave quanto os outros que foram publicados em português.
Para quem nunca leu nada do gênero, é uma boa iniciação, já que um dos outros pontos fortes do livro é que a relação Dominante/Submissa entre os dois é desenvolvida lentamente, quase como uma evolução natural de dois adultos que ajudam um ao outro a conhecer os próprios desejos.
Gostei muito dessa evolução mais lenta, que dá uma veracidade incrível ao romance.


Espero que quem tenha a oportunidade de ler venha aqui dizer o que achou.
Eu sou daquelas que sempre gosta de saber o que o outro achou do livro que eu adorei.


Beijos!


SINOPSE - SKOOB - PARALELA - SARAIVA - EXTRA - CULTURA - SITE DA AUTORA - BARED TO YOU - GOODREADS - BOOK DEPOSITORY


quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Banca de Quinta #47 - Lori Foster - Ultrajante

Oie Genteeee!


Hoje tem mais um gostoso livro incrível no Banca de Quinta!
Dessa vez ele vem da Lori Foster, que é outra das minhas paixões.
Ganhei de presente da Querida Harlequin Brasil (sua foofaa *.*) e aviso logo às moças de plantão que "ele" é meu!


'Ultrajante' conta a história de Judd e Emily, o casal mais improvável de todos os tempos.
Ele veio de uma família destruída e a única pessoa que lhe restava morreu nas mãos de um traficante de armas.
Ela vem de uma família rica e disfuncional e tudo o que mais deseja é ver a pessoa que causou o acidente do irmão dela atrás das grades.


O livro é muito romântico, os personagens são carismáticos e eu fiquei presa a ele desde a primeira folha.
Ele tem o título perfeito, jé que o Judd é absurdamente ultrajante, encantador, apaixonado e tudo de mais que tem de bom.


Ela é um doce de pessoa e uma dessas personagens que te fazem torcer para ela ser feliz da primeira até a última folha!
E, claro, além do casal encantador ainda tem um suspense para tornar tudo mais emocionante!


Recomendo!


E tem sorteio!



Para participar é obrigatório seguir o In_Death e a HarlequinBrasil no Twitter e tuitar a frase a seguir:



'Vou ganhar um presente 'Ultrajante' do @In_Death e da @HarlequinBrasil nesse Natal! http://sorteia.eu/zT #BancaDeQuinta47


Beijos e boa sorte!

SINOPSE - SKOOB - HARLEQUIN BRASIL - SITE DA AUTORA - OUTRAGEOUS GOODREADS

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Livro-Trauma #12 - Emma Thomas - Cinquenta Tons do Sr. Darcy - @BertrandBrasil

*blogueira falando do além*


Oie Gente!


Neste momento quem está resenhando é o fantasma da Barbara, que morreu engasgada com suas próprias palavras ao ler uma adaptação de um clássico.
Como vocês sabem, ela não é exatamente fã deles, mas uma coisa que ela torcia o nariz todas as vezes que via eram as adaptações dos mesmos com temáticas 'modernas'.


Mas aí ela acabou ganhando uma adaptação, dessa vez envolvendo 'Orgulho e Preconceito' e 'Cinquenta Tons de Cinza', que resultaram em 'Cinquenta Tons do Sr. Darcy'.
Como vocês devem imaginar agora, ela também acreditou tratar-se de um romance erótico envolvendo os personagens de 'Orgulho e Preconceito', o que causou nela arrepios, resmungos e muita irritação.
Olhou para o livro e reclamou da loucura alheia (e até mesmo disse que a pobre da Austen deve ter se revirado no túmulo ao ouvir aquilo!!), mas como foi um presente resolveu que iria pular a ordem dos livros e lê-lo.


E, minha gente, foi morte à primeira página. Ela não conseguiu largar o livro até terminar de ler, mesmo com todos os gemidos que algumas das cenas causavam. As ações absurdas dos personagens, a loucura imensurável da autora e todos os furos históricos que aconteceram nele, geraram nela uma atração mórbida digna da gerada pelo anúncio repentino do desaparecimento de todo o chocolate do mundo (ou se você não gosta de chocolate, coloque no lugar dele qualquer coisa pela qual você seja apaixonada(o) e imagine o horror!). Você deseja tirar os olhos da notícia, sente o coração ficar apertado, os olhos arderem, mas você não consegue sair daquela situação, não consegue se afastar e apelar para a 'santa ignorância', até terminar de ouvir a notícia. Foi assim com ela.


Todo o livro gerava uma curiosidade terrível e cada página que passava só fazia a pobre blogueira ficar ainda mais grudada nas situações traumáticas ali relatadas.
E enquanto ela devorava as páginas da adaptação, sua veemência em dizer 'Nunca vou ler uma adaptação dessas!' voltou do passado e, com um ataque brutal, a fez engolir as próprias palavras.


Por isso, cara(o) leitora(r), vim do além avisar que você deve ter muito cuidado com o que fala e com esse livro!
Ele fará muita gente morrer... (e não, não vou contar do que você irá morrer).


Beijos!


SINOPSE - SKOOB - BERTRAND BRASIL - SARAIVA - CULTURA - EXTRA FIFTY SHADES OF MR DARCY - GOODREADS - BOOK DEPOSITORY

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Banca de Quinta #46 - Linda Howard - Desperte Comigo - @HarlequinBrasil

Oie Gente!


Hoje tem outro livro da incrível Linda Howard dessa vez carregado de drama.
'Desperte Comigo' conta a história de Blake e Dione, duas almas torturadas pela dor.


A dele, física, já que sofreu um acidente terrível, perdeu os movimentos das pernas e agora desistiu de viver.
A dela, emocional, já que seu passado é feito de dor, perdas e mágoas.
Juntos os dois devem superar as próprias dores e medos e, assim, se entregarem ao amor!


Eu sei, eu sei, o resumo pareceu melodramático, né? Mas é que o livro é melodramático, mas um melodrama maravilhoso.
Ele tem todos aqueles elementos que eu adoro nos romances. Personagens fortes, decididos, um toque de humor e um amor capaz de recuperar corações.


Esses dois brigam tanto nesse livro que foi impossível segurar as gargalhadas. Eles também têm tantas cenas românticas e doces que os 'oinn, que lindo S2' serão incontroláveis.
Parece até que estou me repetindo, né? Mas é que os livros da Linda Howard são todos m-a-r-a-v-i-l-h-o-s-o-s e é impossível não dizer todas essas coisas outra vez.


Recomendo!


E tem sorteio!



Para participar é obrigatório seguir o @In_Death e a @HarlequinBrasil no Twitter e tuitar a frase a seguir:



'‘Desperte Comigo’ é mais um presente que vou ganhar do @In_Death e da @HarlequinBrasil nesse Natal! http://sorteia.eu/zy  #BancaDeQuinta46


A promoção vai até o dia 20/12 e boa sorte para todos!


SINOPSE - SKOOB - HARLEQUIN BRASIL - COME LIE WITH ME  - GOODREADS

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Resenha #361 - Melanie Gideon - Esposa 22 - @Intrinseca

Oie Gente!


Recebi 'Esposa 22' da Intrínseca algumas semanas atrás e não tinha ideia de que iria me divertir tanto naquelas 400 páginas.


Alice e William Buckle estão completando 20 anos de casamento. Os dois estão muito afastados, cada um envolvido nos próprios problemas. Ela também está passando pelo 'ano crítico', já que completará a idade que sua mãe tinha quando morreu.


Tentando entender o que acontece com o próprio casamento, resolve participar de um estudo sobre o casamento.
Ela se torna a Esposa 22 e o pesquisador responsável por ela começa a questioná-la sobre muitas situações e fases da própria vida.
A cada pergunta a vemos reavaliar sua situação e suas atitudes, assim como mudar sua própria percepção sobre o que acontece ao seu redor.


Em alguns momentos ele me lembrou "@mor", mesmo as tramas não tem nada a ver uma com a outra. É só que ele também tem troca de mensagens, mas dessa vez pelo Facebook. Ele é bem moderno, tendo até confusões familiares causadas pelo Twitter. hihihihihih


Existem duas maneiras de você enxergar esse livro. Pode entendê-lo sob a ótica do marido ou da esposa. Um te levará ao final reclamando de alguém por ser absurdamente insensível. O outro te deixará dizendo 'oinnn, que romântico!" até a última linha.


Eu sei, estão estranhando a resenha minúscula, né? Sabem o que é, é que esse é um daqueles livros que qualquer informação que eu divida com vocês vai responder uma das dúvidas que ele gera enquanto vocês estão lendo.


Só vou garantir que ele vai ter emoções à flor da pele, risos, lágrimas e muitas, muitas surpresas.
Eu adorei e tenho certeza que você também vai adorar.


SINOPSE - SKOOB - INTRÍNSECA - SITE DA AUTORA - SARAIVA - EXTRA - CULTURA
WIFE 22 - BOOK DEPOSITRY - GOODREADS 

sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Livro-Trauma #11 - Danny Wallace - Charlotte Street - @Novo_Conceito

Oie Gente!


Não sei se vocês têm manias literárias, mas eu tenho algumas: odeio ler séries fora de ordem  e preciso completar a coleção de autores pelos quais me apaixono.
Também não consigo largar  um livro no meio, por pior que ele seja. Quando ele é ruim eu simplesmente encaro como um remédio amargo, que tem que ser engolido de uma vez só e sem respirar.


Mas aí vem o meu ponto fraco: o livro tédio. Gente, sério, tem coisa pior que o livro que te deixe entediado?
Parece que as páginas não passam, os personagens não fazem nada e as letras se embaralham na sua frente.


E foi o que aconteceu comigo durante a leitura de 'Charlotte Street'.
Eu não consegui me identificar com os personagens, nem com o momento deles, menos ainda com o texto.



Passei 90% do livro desejando que os personagens crescessem e acordassem para vida, que, pelo amor de Deus, fizessem alguma coisa para mudar a vida deles, já que estavam tão gostando do jeito que ela estava.


Quando eu já estava desesperada, lá pelo quarto final do livro, finalmente, finalmente os personagens resolveram fazer alguma coisa e quando você acha que tudo vai melhorar... o livro acaba.

Frustrei. Frustrei, frustrei geral... queria jogar o livro longe e esganar o Danny Wallace, porque ele me fez esperar todas aquelas páginas para acontecer qualquer coisa e aí ele me acaba o livro!


Não dá. Muita frustração realística para a minha paixão literária, terminei desejando mandar meu 'Charlotte Street' pro olho da rua.
Eu sei que literatura é algo muito particular e por isso sei que alguém  por aqui deve ter adorado, mas dessa vez o romance não funcionou e meu relacionamento com ele acabou mais rápido do que começou. rs

Beijos!


quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Banca de Quinta #45 - Linda Howard - Amando Evangeline - @HarlequinBrasil

Oie Gente!


Semana passada a super Elis comprou para mim 'Amando Evangeline' e eu mudei a ordem de todas as minhas leituras para ler o bendito livro.
Para quem não sabe eu addddooorrrrooo os livros da Linda Howard, sempre me apaixono por eles e sei que será sempre uma aventura lê-los!


Os personagens são muito bem construídos, tem sempre algum drama psicológico, cenas de fazer o leitor subir pelas pareces, romance e um toque de suspense para finalizar!


Robert Cannon é um homem poderoso e perigoso, que preza muito sua reputação. Ele acaba de descobrir que está sendo enganado e que a responsável pelo roubo é Evie Shaw, a dona de uma modesta marina em Guntersville.
Ele resolve ir até lá investigar e aplicar o devido corretivo àquela mulher, mas quando chega lá...


Evie Shaw estava muito desconfiada. Landon Mercer estava indo assiduamente à sua marina, alugando um barco e voltando sem um peixe sequer. Ele estava aprontando alguma coisa e usando os barcos dela para isso. Não podendo arriscar perder tudo o que possui, sai em busca da verdade e acaba encontrando muito mais!


Eu A-M-A-D-O-R-E-I o livro. A Evie é aquela tipo de personagem que você se identifica, com quem você sofre junto e por quem você torce em todos os momentos.
O Landon é poderoso, doce, rebelde e muito cabeça dura. Você tá lá, vendo a verdade e o tapado não consegue enxergar!!


Sério, não ficava tão revoltada com um personagem desde o meu surto com o Roarke em Innocent In Death! Eu tive ânsias e desejos de causar morte, tortura e terror absolutos!


E aí você fica virando as páginas e devorando tudo desesperadamente, em uma crise absoluta de ansiedade para ele perceber o que se passa e fazer qualquer coisa antes que tudo vá para o inferno até que...


Bom, depois do 'até que' só você lendo! hehehehe
O único problema é que 'Amando Evangeline' é o segundo livro de uma série e até agora eu não achei o primeiro para ler. #mimimi


Vou só dizer que o livro é maravilhoso, as páginas irão passar voando e você vai rir, chorar, xingar e se divertir muito com ele.


E tem sorteio!


 


Para participar é obrigatório seguir o In_Death e a HarlequinBrasil no Twitter e tuitar a frase a seguir:



'Amando Evangeline' é um dos presentes que vou ganhar do @In_Death e da @HarlequinBrasil nesse Natal! http://sorteia.eu/y6 #BancaDeQuinta45



A promoção começa hoje e como é um dos especiais de Natal, vai até o dia 20 de Dezembro!


Beijos e boa sorte!!


SINOPSE - SKOOB - HARLEQUIN BRASIL - LOVING EVANGELINE - GOODREADS

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Resenha #358 - Beth Revis - Através do Universo - @NovoSeculo

Oie Gente!


Essa semana que recebi um livro da Novo Século que tem um tema que eu não lia tem um tempão: viagem espacial.
A nave Godspeed partirá da Terra para a Terra-Centauri e levará 300 anos para fazer essa viagem. Por conta do tempo que a viagem levará, os colonizadores do novo planeta terão que estar congelados criogenicamente.


É neste contexto que conhecemos Amy, uma garota que deixou tudo para trás quando aceitou ir com os pais nessa viagem e que deveria ter passado os 300 anos da viagem "dormindo". O problema? O congelamento acabou muito antes do que ela esperava porque alguém tentou matá-la!


Eu pensei em contar um pouquinho mais para vocês, para explicar o motivo de até agora não ter conseguido decidir de adorei o livro ou se odiei ele, mas aí eu estragaria muitas surpresas da leitura.


Mas eu posso falar um pouco sobre o que ela contra quando acorda: um terrível ditador e uma sociedade muito, muito estranha.
Ela conhece o Elder, o próximo líder da nave, que é um garoto meio rebelde, meio estranho e meio diferente. É, assim mesmo, cheio de 'meio', porque ele fica oscilando entre a obediência e a rebeldia, o comum e o extraordinário.


Todos os costumes da nave são estranhos e quando a Amy se depara com a nova realidade ela quase enlouquece. E é aí que ela começa a correr ainda mais perigo, já que qualquer um com dois neurônios funcionando percebe que nada daquilo está certo.


Uma coisa que eu senti falta no livro foi a autora explorar a situação da Amy durante o congelamento. Não sei se ela explorará nos livros seguintes ou se deixará isso de lado por ser um livro YA, mas era algo que daria uma intensidade ótima ao livro.


Outra coisa triste que aconteceu é que meu exemplar veio com alguns defeitos nas páginas, que estavam mal cortadas e até com algumas folhas rasgadas. Espero que tenha sido um caso isolado e não um defeito de lote.


Bom, agora vou esperar pelo próximo livro da Bethe Revis, 'A Million Suns', para saber o que acontecerá com eles.
Beijos!


SINOPSE - SKOOB - NOVO SÉCULO - SITE DA AUTORA - SARAIVA - CULTURA
ACROSS THE UNIVERSE - BOOK DEPOSITORY - GOODREADS


terça-feira, 27 de novembro de 2012

Terça Sobrenatural #43 - Christine Feehan - Desejo Sombrio - @UnivDosLivros

Oie Gente,


Vocês lembram que eu fiz uma enorme festa quando a Universo dos Livros anunciou que iria lançar a série Cárpatos, certo?
E aí depois vieram todos aqueles problemas de 'Príncipe Sombrio', o desânimo geral com as escolhas da editora e, bom, confesso que fiquei apreensiva com o lançamento de 'Desejo Sombrio', de autoria da Christine Feehan.


Jacques Dubrinsky estava desaparecido já há sete anos. Todos acreditavam que ele estava morto, mas a verdade era que estava muito pior. Foi torturado e a única coisa que o mantem vivo é a necessidade de vingança contra a única pessoa que ele consegue sentir.


Shea O’Halloran é uma cirurgiã dedicada, que agora precisa fugir para salvar a própria vida. Ela tem uma doença rara no sangue e tenta, desesperadamente, descobrir a cura. Ao mesmo tempo precisa fugir de um grupo de fanáticos que acredita que ela é uma vampira.


Quando ela vai parar nas montanhas Cárpatos, acaba sendo misteriosamente atraída para um lugar com aura de perigo e encontrando muito mais do que podia imaginar.


O livro é carregado de romance, ação, explicações sobre personagens e muita, muita violência.
O romance do Jacques e da Shea é absurdamente encantador, já que os dois encontram um no outro tudo aquilo que precisam e desejam, além de forças para superar seus próprios medos.


As 'tendências Neandertais' dos machos Cárpatos estão presentes nele, mas o principal problema do Jacques é que ele está a beira da loucura e, por isso, ele e a Shea protagonizam cenas de arrepiar.
Quando vocês lerem o primeiro capítulo vão entender o quão difícil será a luta dos dois durante o livro todo e a profundidade da força de cada um para superar tamanho ódio.


Agora preciso confessar uma coisa... abri as páginas com um pavor digno de um livro de terror, já que o passado recente da Universo deixa a desejar, mas dessa vez não encontrei grandes problemas. Depois de ter lido a tradução eu fui espiar o original para ver se tinham cometido aqueles assassinatos outra vez, mas o original de 'Desejo Sombrio' não tem palavrões (ao menos os mais comuns) e eu não reparei em qualquer adaptação estranha.


Para quem ficou decepcionado com o trabalho deles no primeiro livro fiquem sabendo que dessa vez eles tiveram bem mais cuidado. Eu não reparei em erros gramaticais, mas eu também não estava prestando muita atenção a isso. O livro é irresistível e te leva tanto para dentro da história que você acaba desligado dos detalhes técnicos. rs


Romântico, erótico e cheio de ação, é uma pedida maravilhosa para quem curte um bom sobrenatural.
Recomendo!



SINOPSE – SKOOB – UNIVERSO DOS LIVROS– SITE DA AUTORA – SARAIVA – EXTRA CULTURA
DARK DESIRE – GOODREADS – BOOK DEPOSITORY


segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Resenha #356 - Eve Berlin - Luxúria

Oie Gente!


Essa semana eu resolvi abdicar do meu cronograma de leituras e passar todos os romances eróticos que recebi para o topo da pilha.
Li 'Gabriel's Inferno', 'Luxúria', 'Toda Sua' e 'Cinquenta Tons Mias Escuros', cada um com um estilo bem diferente do outro.


'Luxúria', publicado pela Lua de Papel, de autoria da Eve Berlin, começa com a escritora de romances eróticos Dylan Ivory fazendo uma entrevista com o absurdamente gostoso Alec Walker para o seu próximo livro. Ela pretende escrever sobre dominação e submissão e sente que precisa de mais informações dos que as que consegue nos livros para poder escrever com conteúdo.


Eu gostei de muita coisa no livro. A pesquisa da autora foi ótima, ela não teve preconceitos para escrever e as cenas entre os dois eram quentes, mas eu senti que faltou alguma coisa.


Não sei, acho que pareceu que tudo foi muito superficial e, apesar dos dois terem se apaixonado, achei o relacionamento mal explorado.


Ficou parecendo que quando ela poderia ter aprofundado as reações deles, o relacionamento e o que cada um queria daquilo, o livro acabou. E aí tudo ficou parecendo meio pobre, sabem?
O Alec tem absoluta certeza de que não precisa de ninguém para ser feliz e a Dylan  parecia achar que nada daquilo deveria afetá-la, que toda aquela intensidade deveria ser considerada simplesmente normal.


Então quando os dois se juntam, vocês conseguem imaginar o quanto o livro poderia render? Imaginem as reações que essas duas pessoas poderiam ter ao se descobrirem apaixonadas?
Mas aí quando você espera que a coisa seja aprofundada... bem, ele acaba.
Triste isso, né?


Mas vale a leitura por ser um romance bem adulto, carregado de erotismo e sem vergonha de qualquer coisa...


Depois que eu terminei de ler, eu descobri que é uma série, mesmo os livros seguintes não sendo exatamente sobre os mesmos personagens e sim sobre personagens secundários de 'Luxúria'.


Beijos!


SINOPSE – SKOOB – SITE DA AUTORA– SARAIVA – EXTRA – CULTURA
PLEASURE'S EDGE – GOODREADS – BOOK DEPOSITORY


sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Resenha # 355 - Ronald Anthony - Um Ano Inesquecível - @Novo_Conceito

Oie Gente!


Vocês sabem que eu sou uma manteiga-literária derretida, certo?
Por conta disso, alguns dos livros que eu ganho vão ficando empilhados, já que eu tenho absoluto pavor de personagens sofrendo...
Mas deixar este livro na pilha foi um terrível engano.


Jesse Sienna não acredita em 'felizes para sempre'. Para ele o amor é algo que vem e passa e promessas são coisas que devem ser evitadas.
Mickey Sienna pensa exatamente o contrário. Viveu um 'felizes para sempre' com a mãe de Jesse, acredita no amor eterno e sabe, sem sombra de dúvidas, que o cinismo do filho vai fazê-lo perder uma mulher maravilhosa.


Quando Mickey vai morar com Jesse, depois da morte da esposa e de alguns pequenos acidentes, percebe que só contando ao filho uma história de amor é que vai impedi-lo de fazer uma enorme burrada.

Ain, genteeemmm! O livro é lindo!!! É um daqueles romances que te carregam para dentro dele e te fazem acreditar que tudo aquilo está acontecendo com aquela família é de verdade. Eu conseguia quase ver o que o autor descrevia e, em alguns momentos, via minha família naquelas páginas.

Mesmo aquele que não gosta de "livros tristes" acaba gostando desse, já que tem tantas histórias de amor   que torna impossível dizer que ele é um drama.
É um livro doce, romântico e emocionante, com um final agridoce, temperado com uma pitadinha de tristeza.

Absolutamente RECOMENDO que você leia-o!

E vamos comemorar a maravilha que ele é com uma promoção?

 


Para participar é obrigatório ter comentado nesta resenha seguir o In_Death no Twitter e tuitar a frase a seguir:

Pitaquei no @In_Death e concorrerei a um exemplar de ‘Um Ano Inesquecível’, publicado pela @Novo_Conceito. REGRAS: http://sorteia.eu/yH


SINOPSE – SKOOB – NOVO CONCEITO – SARAIVA – EXTRA CULTURA
THE FOREVER YEAR – GOODREADS

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Banca de Quinta #44 - Linda Lael Miller - Mais Que Desejo

Oie Gente!


Vocês sabem, eu adoro vocês.
Vocês me fazem companhia, discordam de mim, trocam figurinhas e ainda me inspiram para algumas das resenhas mais loucas que já escrevi.


E eu sei também que vocês também me adoram, ou então não me aguentariam aqui falando, falando, falando, ad infinitum...


E por saber disso é que mesmo quando eu não fico apaixonada por um determinado livro, sempre dou um jeito de apontar um ou outro ponto positivo dele, já que (graças) ninguém gosta exatamente das mesmas coisas por aqui.


Então... vocês aí que estão me lendo, por favor, digam-me... o que fariam ao terminar de ler um romance que tinha tudo para ser ótimo, mas que a absurdamente imensurável (assim mesmo, bem exagerado) chatice dos protagonistas o transformou em um amontoado de tédio e choramingos?


Vejam bem, todos os personagens ao redor dos dois são incríveis, o mote é ótimo, os cenários são bons, mas o vai e volta dos dois torna tudo um saco?


Ela, que atende pelo nome de Vanessa, está magoada com os homens porque o marido era um 'safado, cachorro, sem vergonha', que não conseguia manter o piupiu dentro da gaiola e que ela usa como parâmetro para julgar todo e qualquer ex-esportista.


Ele, Nick, ex-jogador de futebol americano (Alooouuuu @ElisMiranda, seu número!), hipocondríaco, vê ela fazendo uma propaganda em um canal de vendas pela TV e resolve que ela será sua esposa e mãe dos seus filhos.


Quando eu li isso, imaginei que ele fosse arrebatá-la, não dar chances para os medos e dores dela. Algo bem ao estilo 'te vi, te amei, te tomei'.


Mas aí os dois se conhecem, começam aquela dança de romance que todo mundo curte... os corações começam a bater mais forte, a paixão explode e... os dois ficam num vai e volta por inseguranças, falta de comunicação e arbitrariedades que, pelo amor, não tem quem aguente!!


Mas como não tem livro todo ruim, quando chega o final os dois tomam tento e ele fica realmente maravilhoso.
Vai entender, né? hahaha


Espero que algum de vocês tenha lido e que consiga me explicar, porrr fffaaaavvvooorrrr, o que deu na Linda Lael Miller para surtar os personagens desse jeito?


E, para garantir que uma boa alma leia e depois venha me contar o que achou, tem sorteio!


 


Para participar é obrigatório seguir o In_Death no Twitter e tuitar a frase a seguir:



"No #BancaDeQuinta44 vou ganhar 'Mais que Desejo' do @In_Death. http://sorteia.eu/yp "


Beijos e boa sorte!


SINOPSE - SKOOB - HARLEQUIN - SITE DA AUTORA
ONLY FOREVER - GOODREADS

terça-feira, 20 de novembro de 2012

Terça Sobrenatural #42 - Rick Riordan - A Sombra da Serprente - @Intrinseca

AVISO

ESTA RESENHA CONTÉM SPOILERS DOS LIVROS INICIAIS DE 'CRÔNICAS DOS KANE'!


Oie Gente,


O Terça Sobrenatural de hoje traz o último livro da Trilogia Crônicas dos Kane, quando nossos magos adolescentes enfrentarão Apófis, a Serpente do Caos.

Em 'A Sombra da Serpente, Sadie e Carter Kane estão cheios de tarefas fáceis: resgatar fantasmas assassinos, procurar o livro perdido de um deus cientista maluco, restaurar a alma de um amigo e, por último e não menos impressionante, salvar o mundo de se tornar um mar de caos.


Além de tudo isso, cada um vive um momento emocional perturbador.
A Sadie está gostando de dois garotos. Um, humano, está morrendo pela mesma maldição que matou todos os que vieram antes dele. O outro, um deus que não tem permissão para encontrar com ela no mundo mortal, a não ser em lugares e situações de morte.

O Carter descobriu que estava apaixonado por uma estátua. Agora os dois precisam descobrir como se comportar um com o outro e o que eles sente de verdade.


Tem uma situação, que eu não vou contar por motivos óbvios, que eu achei a solução do tio Rick o máximo!

Era algo que eu sempre pedia como solução para o problema e, mesmo que não seja exatamente o que eu espero ver em um futuro próximo, chegou tão perto que me deixou muito feliz. hihihihihih


Eu gostei bastante do livro, já que ele tem tudo o que se espera de um livro juvenil. É divertido, tem ação, um toque de primeiro amor e muita, muita magia.
Gostei também que os vilões, que mesmo com tudo de ruim que faziam, conseguiam ter momentos de lucidez absoluta, deixando bem claro como conseguiram corromper tantos magos instruídos e poderosos.

Posso garantir para quem for ler que Rick Riordan criou mais um final de série perfeito, com revelações, segredos e muitas, muitas surpresas.


Recomendo!


E pros pitaqueiros de plantão, tem sorteio!




Para participar basta ter comentado nessa resenha e tuitar a frase a seguir:


Pitaquei no @In_Death e concorrerei a um exemplar de 'A Sombra da Serpente', publicado pela @Intrinseca. REGRAS: http://sorteia.eu/yk


Beijos e boa sorte!

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Resenha #352 - Harlan Coben - Sem Deixar Rastros - @EditoraArqueiro

Oie Gente!


A resenha de hoje é do terceiro volume da série "Myron Bolitar", 'Sem Deixar Rastros', lançado pela Editora Arqueiro, de autoria do meu querido Harlan Coben.


Greg Downing desapareceu e o dono dos Dragons está desesperado para encontrá-lo. Para isso ele pede a ajuda do Myron, que em nome da antiga rivalidade/ligação que existia entre eles resolve aceitar procurá-lo.

O problema é que o Myron acaba descobrindo muito mais do que esperava com isso.

Dos livros da série esse é o mais emocionalmente intenso, com algumas surpresas do tipo 'Cavalo de Tróia' esperando por ele a cada virada de página.


Tem uma investigação, claro, mas dessa vez o Myron descobre coisas sobre seu passado que vão mudar radicalmente tudo o que ele previa para o seu futuro.

Eu gostei do livro, mas ele é bem diferente dos outros volumes da série. Tem mais drama, menos ação e é meio estranho você saber o futuro do personagem...


Pior ainda é que, no meu caso, um dos problemas que tenho com os volumes iniciais é que eu odeio a Jéssica. Pronto. Falei.

Gente, concordo totalmente com a Esperanza e por mim aquelazinha podia tomar chá de sumiço ou virar pó. Não faria nenhuma falta e seu desaparecimento imediato só me traria felicidade.


Toda vez que ela aparece, mesmo quando ela está sendo muito compreensiva, romântica ou qualquer-coisa-boa-ou-gentil, eu fico torcendo para que ela apronte alguma, suma da vida do Myron e volte para o fim do mundo de onde ela saiu.

Estou louca, louca, louca para chegar logo ao meio da série e saber que aquela lá voltou para o lugar dela, bem longo do Myron!


Não contei nada sobre a investigação ou sobre o que ele descobre por que espero que vocês sejam tão surpreendidos quanto eu fui.
E espero que me deixem saber, depois que terminarem de ler o livro, se ficaram com a pulga atrás da orelha com o menino correndo no jardim... XD


E, hoje, estreando as novas regras de sorteios do blog, tem promoção!


Para participar é obrigatório ter deixado um comentário neste post pertinente a resenha  e se inscrever através do Raffle.


a Rafflecopter giveaway


A promoção começa hoje e vai até o dia 19/12.

Beijos e boa sorte!!





OUTROS LIVROS DA SÉRIE:


quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Banca de Quinta #43 – Linda Lael Miller – Tyler – @HarlequinBrasil

Oie Gente!


Hoje tem mais um gostosão da Linda Lael Miller, o Tyler!
Para quem não o conhece, é irmão do Logan e do Dylan, que no Brasil fecha a série 'Os Irmãos Creed'.


Tyler volta para casa querendo brigar com o irmão mais velho, fugir do passado recente e todos os problemas que sua vida virou.
Lyly Kenyon voltou para casa apenas para cuidar do pai, o veterinário Hal Ryder. Eles não se dão muito bem, já que depois do divórcio ele cortou qualquer contato com ela.
Ela traz a filha junto, uma criança muito mais adulta do que ela própria deseja, e um passado cheio de mágoas e tragédias.
Quando os dois chegam a Stillwater Springs acabam encontrando muito mais do que esperavam.


O legal do livro é que é um cheio de 'segundas chances' na vida dos personagens. Para o Tyler e para a Lily, com o amor que sentem um pelo outro. Para o relacionamento dos dois com as próprias famílias. E vários personagens que já conhecemos, cada um deles tem uma segunda chance de ser feliz.


O Tyler, além de uma nova chance com o amor da vida dele, ainda ganha um presente enorme quando chega lá. Alguém que já conhecemos de outros livros aparece e ele descobre ter mais um motivo para seguir em frente e deixar o passado para traz.


Como nem tudo é perfeito na vida, depois do livro do Tyler temos outros livros que foram publicados bagunçados fora de ordem.


Livro 4: A Creed Country Christmas
Livro 5: A Creed in Stone Creek - Steven
Livro 6: Creed's Honor - A Honra de Conner
Livro 7: The Creed Legacy - Um Forte Legado


Como vocês podem ver, falta bem o livro do meio.
Agora é torcer para que a Harlequin publique e deixe a série na ordem correta! \o/!


Mas mesmo isso não estraga a leitura. Como o livro anterior, é curtinho e perfeito para curtir nesse feriado.


Recomendo!


E, claro, tem sorteio!



Para participar basta seguir o @In_Death e tuitar a frase a seguir:


'Eu vou ganhar o 'Tyler' do @In_Death e ter mais um Creed só pra mim! http://sorteia.eu/x1 #BancaDeQuinta43


Boa sorte!


SINOPSE - SKOOB - HARLEQUIN BRASIL - SITE DA AUTORA -
MONTANA CREEDS: TYLER - BOOK DEPOSITORY - GOODREADS

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Noraholicando #08 - Nora Roberts - Rosa Negra - @BertrandBrasil

Oie Gente!




[caption id="attachment_4337" align="alignright" width="68"] Arte by @Blackburdelonely[/caption]

Hoje tem Nora Roberts no blog, dessa vez com o segundo volume da Trilogia das Flores, "Rosa Negra", lançado esse mês pela Editora Bertrand.


Rosalind Harper está vivendo um momento maravilhoso: sua casa está cheia outra vez, seus negócios estão indo de vento em popa e ela está se sentindo maravilhosa, mesmo tendo completado seus 47 anos.
Ela acaba de contratar o Dr. Mitchell Carnegie para descobrir quem é a Noiva Harper e de viver uma aventura sobrenatural.


Eu adorei Rosa Negra. Tem aventura, tem romance, tem um sobrenatural bem violento, segredos familiares, barracos da alta sociedade e tem muito, muito amor.
Tem um casamento lindo, bebês fofas aprontando, casais se apaixonando e primeiros beijos lindos e quentes!


Não vamos nos esquecer de um detalhe... turbulento...
A Noiva Harper!!
Gente, mas esse fantasma apronta!
Objetos quebrando, portas batendo... tentativas de assassinato! Ela faz de tudo dessa vez.


Entenderam porquê eu adorei o livro?
Tem absolutamente de tudo nele!


Fazia tempo que eu não gostava tanto de um livro da Nora. E olha que eu adorei "Dália Azul"!


Agora fugindo um pouco do conteúdo original, vamos falar um cadinho da tradução.
Eu adorei aquela capa. Ela tem uma textura aveludada, como se imitasse o


Uma coisa a dizer sobre o trabalho do tradutor é que ele conseguiu rebuscar o texto e deixá-lo perfeito para a Roz. Ela é uma mulher altiva, educada, direta e vez ou outra bastante assustadora e o cuidado em deixar a tradução o mais gramaticalmente correto foi perfeito.
Claro que eu fiquei um bom tempo tentando entender por quê o ritmo e o estilo do texto estavam mais para uma edição portuguesa, até ter percebido que a perfeição na gramática era exatamente o que viria em um livro que falasse de Rosalind Harper.


Só que... (odeio esses 'só que', vocês não?) eu percebi alguns problemas de revisão no livro e uma escolha na tradução que me deixou confusa.
No primeiro capítulo a Roz sai para dar uma corridinha... de camisola. Como assim, gente? Ela estava de moletom!


No original:



Wearing sweats against the dawn chill, she slipped out of her bedroom by the terrace door.

Na tradução:



Com uma camisola protegendo-a do frio da madrugada, saiu do quarto pela porta do terraço.

E não adianta alguém dizer que é licença literária. Quem aqui sai pra correr de camisola? hauhauhaua
Achei algumas palavras com o gênero errado, alguns pronomes comidos e outras pequenas falhas.
Mas mesmo com todos esses pequenos problemas, nada conseguiu abalar o idílio que é ler Rosa Negra.


Recomendo!


SINOPSE - SKOOB - BERTRAND BRASIL - SÍTIO DA AUTORA - SARAIVA - CULTURA - EXTRA
BLACK ROSE - BOOK DEPOSITORY - GOODREADS