quinta-feira, 8 de março de 2012

Banca de Quinta #16 - Nora Roberts - Quase Um Estranho

Oie Gente!


Bom, tenho que começar dizendo que quase, quase não consegui terminar esse post.


Quem me segue no Twitter deve ter visto que eu andei reclamando do meu computador, né? E ai ontem ele simplesmente surtou e o toutch desligou completamente.
Como usa o trem sem toutch??
Lá fui eu deixar o bendito na assistência técnica, que disse que vai levar longos e intermináveis 15 (QUINZE!!!!) dias pra me dizer o que pode ser o defeito e, talvez, mais trinta para me entregar o aparelho funcionando.


Tradução, daqui quarenta dias eles me ligam para dizer que vão ter que trocar outra vez meu computador, porque o modelo saiu de linha blá, blá, blá.  <o>


Mas chega de chororô e vamos começar a resenha.


Vocês sabem que eu adoro os livros da Nora Roberts, certo?
Que sempre que eles saem na banca ou na livraria eu corro pra comprar, mesmo quando levo meses para ler?


Pois é, fiz isso com "Quase Um Estranho" e essa semana finalmente fui ler o bendito do livro.


E, adivinhem só?


Gostei nadica de nada do que encontrei.
É, gente, isso mesmo que vocês estão lendo.
Não gostei de quase nadica dele e tive vontade de jogar janela afora em váaaarios momentos.


Tudo isso começou por causa da mocinha...


Vocês sabem que eu adoro quando o casal central fica implicando um com o outro, certo? Gosto daquela manha de início de romance, aquela troca de farpas e de olhares.
Mas detesto personagens preconceituosos. E o início do livro é todo assim.


Megan Miller passa o início inteirinho do livro julgando o Katch sem conhecê-lo, naquele estilo bem "mocinho da Diana Palmer", sabe?
Tudo o que ele faz ela vê segundas, terceiras e quartas intenções. Ele também não colabora e toda vez que percebe o mal entendido, o que ele faz? Explica pra ela que ela está enganada...? C-l-a-r-o que não! Deixa-a achando que está certa e que ele quer mesmo é se dar bem;


Ôooooo raiva, minha gente!
Queria jogar o livro pela janela e só não fiz isso porque outro dos personagens, o Pop, é a coisinha mais incrível do mundo. Totalmente roubou a cena daqueles dois bocós sem sal que são a Megan e o Katch. ¬¬"


Seriamente, hein, Nora? Tomou aulas de chatice-de-personagens com a DP, minha filha??


Tá, tá, tem um final bem legal e pans, mas pela madrugada-mal-dormida-enquanto-leio, que lenga, lenga pra chegar lá!!  /o


Mas, bom, nem todo mundo gosta das mesmas coisas e como eu já disse aqui, sendo eu uma boa masoquista literária, vou dividir com vocês meu sofrimento.




REGRAS DO SORTEIO


1) Seguir o @In_Death e a @HarlequinBrasil no Twitter;


2) Tweetar a frase a seguir:


"É no #BancaDeQuinta16 que o @In_Death e a @HarlequinBrasil vão me dar "Quase Um Estranho", da diva @BrNoraRoberts! http://kingo.to/11dT"


E pronto!


Boa sorte para todos!!


Sinopse: Arrogante e audacioso, David Katcherton surgiu na vida de Megan Miller e despertou nela sentimentos há muito tempo adormecidos. Mas Megan não iria se derreter por um estranho particularmente interessado na fortuna de seu avô – mesmo que fosse um homem muito irresistível. Enquanto Katch desafia Meg a realizar seus sonhos, ele provoca nela desejos mais profundos... que podem cativá-lo como ele jamais imaginou...

11 comentários:

  1. Oi Bá!
    Quero ganhar, mesmo com medinho de não gostar rsrsrs.
    Beijos e Feliz Dia das Mulheres!
    Elis Culceag.

    ResponderExcluir
  2. Eu divulguei a promo. Esse eu já tenho :P Eu queria o Noites de tentação buaaaaaá

    ResponderExcluir
  3. Oi, Ba.

    Chorei de rir aqui!
    Se você surtou com eles, imagine eu quando lê-lo.
    Participando, claro!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. OOOOO livrinho mais chato, mel dels!
    Eu acho que com a temática (ela trabalha no parque de diversões do avô e zázs) tinha tudo para dar certo, daí a Nora vai e me dá uma cagada dessas.
    É do tipo que você sabe tudo o que vai acontecer.
    Mas somos brasileiras e dificilmente desistimos de um Nora, né?!

    ResponderExcluir
  5. Ah, esses computadores *abracinho*

    Ai, ai, ai, Dona Nora! Querendo dar uma de DP?! E olha que eu amo a Tia Palmeirão! Sei que vou ficar nervosa com esse livro mas já tô curiosa!

    Bjos!
    Thaís:)

    ResponderExcluir
  6. Oi Bá!

    Que revolta! hahahah

    Já senti isso com vários livros kkkkk

    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Fiquei desaminada, tenho o livro e olha que não sou tão fã da Nora.

    Beijos 
    @Appromances:twitter

    ResponderExcluir
  8. Engraçado não são todos os livros de banca da Norinha que eu gosto. Os de livraria são beeeem melhores rsrsrsrsrs Tem alguns de banca que eu amei, mas tem outros...

    ResponderExcluir
  9. Sinto pelo seu computador, mas sei muito bem como é, essa história de Assistência Técnica é um saco. Eu não sou tão fã da Nora como você, li alguns livros dela, mas nada que me deixasse fanática e ainda nem tive coragem de começar a série Mortal, mas se VOCÊ tá me dizendo que esse é ruim, nem vou me dar o trabalho de ler. Acredito em vc kkkkkkkkk

    bjks

    ResponderExcluir