terça-feira, 11 de junho de 2013

Terça Sobrenatural #49 - Justin Cronin - Os Doze - @EditoraArqueiro

Oie Gente!


Post de hoje é do segundo livro da trilogia "A Passagem" e demorou um pouco para sair por ter sido a leitura mais turbulenta que tive nos últimos meses. Precisei ler o livro duas vezes para conseguir resenha-lo, tamanha enormidade de acontecimentos em "Os Doze".


Peter, Amy e Alicia estão muito distantes do final de "A Passagem" e ninguém tem notícia dos outros. Após aquele final abrupto no primeiro volume, descobrimos que vários anos se passaram e que os três não estão exatamente juntos.
Peter juntou-se aos Expedicionários e junto com a Alícia combate ao lado deles.
Amy agora vive com as irmãs e cuida das crianças, mas algo estranho vem acontecendo com ela.
O que nenhum dos três pode imaginar é que um mal muito pior se aproxima e que Os Doze estarão reunidos outra vez.
Será que a humanidade sobreviverá?
Ou será que os virais tomarão conta de tudo?


Assim como o primeiro livro, "Os Doze" é maravilhoso, mas não se deve lê-lo achando que irá encontrar o mesmo ritmo e ou estilo utilizados pelo autor no livro inicial. (que foi o que eu fiz no início, o que me causou certa frustração)


Minha leitura demorou um pouquinho para pegar ritmo, mas depois dos seis primeiros capítulos o bichinho da curiosidade já tinha me picado e eu já não conseguia mais largar o livro.
Aí você se pergunta porque então eu achei a leitura turbulenta, já que foi uma daquelas devoradas-numa-mordida-só.


Primeiro foi porque eu precisei dar umas boas espiadas no primeiro livro para lembrar o que tinha acontecido com quem.
Também existia uma enorme expectativa em o que aconteceria e se ele conseguiria se superar, o que nunca é um bom prenúncio, já que normalmente causa decepções.


Também estranhei durante boa parte do livro o aparecimento e desaparecimento de alguns personagens sem qualquer explicação.
Mas aí as páginas foram passando e o que me parecia aleatório foi se mostrando justificado e muito importante. (apesar de um pouquinho confuso)


Percebi um aumento considerável na violência (saaannnggguueeee), mas nada que não fosse esperado de uma trilogia pós-apocalíptica. Só que por conta disso você precisa preparar o coração para ver seus personagens favoritos sofrerem. Muito.


Nenhum deles, dos mais novos aos mais velhos, sairão de "Os Doze" inteiros. E por mais que você sofra com isso, também é um dos motivos que irão fazer você grudar no livro e não conseguir largá-lo.


Eu confesso que eu sofri tanto lendo esse livro (são tantas desgraças acontecendo que até as pedras se emocionariam) que não conseguiria expressar isso aqui nem com dois dias de resenha e todos os spoilers do Universo, então espero apenas que vocês aceitem minha palavra dizendo que ele é uma experiência única.
Não vou dizer que foi melhor ou pior que "A Passagem", mas vou dizer que ele foi absolutamente diferente.


Para quem está se peguntando pelo terceiro livro, aparentemente o Justin ainda está escrevendo-o. Mas quem gosta de alguns petiscos, vez ou outra tem algum comentário sobre o livro no facebook da trilogia.
Eu vou ficar por aqui fingindo que não morrerei de curiosidade pelo próximo volume e torcendo para ele não demorar tanto quanto "Os Doze".


Beijos!


SINOPSE - SKOOB - ARQUEIRO - SITE DO AUTOR - THE TWELVE - GOODREADS - SARAIVA - CAPA DA EDIÇÃO BRITÂNICA

5 comentários:

  1. Meo deos!!!!!!!!! Ai que vontade de ler agooora!!!! Hhahahaha

    AMEI "A passagem" e tô doidinha pra ler esse logo...e pelo q vc falou, ai ai ia...hahaha

    Até já baixei em PDF mas confesso q quero ficar com tendinite/bursite de ficar carregando ele na bolsa e nas mãos...rsrsssr

    bjão ;-)

    ResponderExcluir
  2. Oie Jacque!


    Para ler essa série é preciso ter braço, porque, olhaaa!!! hauhauhaua


    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Hahuhauahauahu num é?! É bom que já "trabalha" o corpo e a mente!! Rsrsrssr

    Bíceps e tríceps em dia!!! rsrssrsr

    ResponderExcluir
  4. Como eu comecei a ler essa série por sua culpa, precisava vir comentar aqui depois de terminar de ler o segundo livro. Sim, são 3h48 da manhã e eu tô maluca! kkkk Como que viverei até saber o fim dessa trilogia?? Quando, peloamordedeus, que vai sair o terceiro? Tô órfã. Adorei todas as reviravoltas do livro, as conexões entre os personagens e aqueles últimos capítulos que não me deixavam parar de ler!


    Bjs! ;)

    ResponderExcluir
  5. Oie Cris!!

    Hahahaha total me identifico com teu sofrimento!
    Não sei como estou agüentando até agora, viu?
    Confesso que coloquei esse livro na caixinha mental de "não lembrar para não sofrer". Hahahaha
    Mas te digo de antemão, o dia que sair o terceiro livro a festa será enorme!

    Bjus

    ResponderExcluir