Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2015

Resenha #421 - Radclyffe - Above All, Honor

Imagem
Ok, confesso, quase rasguei minha carteira de  bookaholic quando percebi que só fiz duas resenhas de livros da Radclyffe aqui no blog. A de " Safe Harbor ", primeiro livro dela que li e que causou paixão e apego imediatos. E de " The Midnight Hunt ",  primeiro livro da série sobrenatural que ela escreve sob o pseudônimo de L.L. Rand. E, pra começar a resolver essa falta quase um desvio de caráter, devo frisar peguei um dos livros dela que eu mais amo: "Above All, Honor". Ele é o primeiro volume da série "Honor", que nos apresenta a agente do Serviço Secreto Cameron Roberts e Blair Powell, filha do Presidente americano. Cameron foi designada para proteger Blair quando retornou de uma licença após um incidente em campo. Ela gosta da tarefa nova tanto quanto Blair gosta de ter ela ao redor: nadica de nada. O resultado disso são muitas páginas de confusão, um montão de brigas e mais tensão sexual do que é humanamente aceitável. Acho qu

Noraholicando #20 - Nora Roberts - A Bruxa da Noite [Premiada]

Imagem
Oie Gente! Hoje tem Nora Roberts, de novo, por que eu simplesmente não consegui resistir a essa combinação: bruxas, Irlanda e Nora Roberts. "A Bruxa da Noite" é o primeiro livro da série "Os O’Dwyer", ambientada na Irlanda e que gira ao redor da batalha entre a Bruxa da Noite e o feiticeiro Cabhan. Ela é uma bruxa branca que usa seus poderes para proteger e ajudar aos outros, e ele, como é de se esperar de um feiticeiro malvadão, quer ter poderes cósmicos e fen... não, espera... (não pra resistir, gente) Quando eu comecei a ler "A Bruxa da Noite" tinha um medo enorme de ficar, o tempo todo, me lembrando da "Trilogia da Magia" e dos "Donovan", já que são livros sobre bruxos, com influência da Irlanda e da Nora, mas isso não aconteceu de uma maneira que atrapalhasse a leitura. Os personagens têm personalidades bem distintas e isso ajuda a deixar os livros bem diferentes. SINOPSE: Com pais indiferentes, Iona Sheehan cresceu ansiando por ca

Resenha #422 - Sam Cabot - O Sangue do Cordeiro

Sinopse: “Este documento, querida amiga, vai abalar a Igreja.” Ao ler essas palavras em uma carta encontrada em um arquivo empoeirado, Thomas Kelly fica cético. O documento citado na correspondência está desaparecido, mas Thomas, padre da ordem dos jesuítas, duvida que exista algo com tal poder – até ser convocado ao Vaticano para iniciar uma busca desesperada por ele. Enquanto isso, diante de um conselho formado por seus superiores, Livia Pietro recebe instruções claras: encontrar um padre jesuíta recém-chegado a Roma e juntar-se a ele na procura da Concordata, um tratado que contém um segredo tão chocante que poderá destruir para sempre todo o povo de Livia. Enquanto pistas cifradas do passado lançam os dois em um universo traiçoeiro repleto de obras de arte, maquinações religiosas e conspirações, eles são caçados por pessoas capazes de tudo para achar o documento primeiro. Thomas e Livia, então, precisam correr para montar o quebra-cabeça capaz de redefinir os rumos da história e ev

Aleatoriedades #6

Imagem
Estava eu aqui conversando com um amigo (oi, amigo, tu és famoso agora!) sobre a minha dificuldade de encontrar uma única vaga pra estacionar em uma das ruas do centro. Para onde eu olhava só via vagas para idosos e portadores de necessidades especiais. Ficava me perguntando o motivo daquele mundo de gente não estar deitadinho nas suas camas, dormindo, num domingo de manhã (que era exatamente o que queria estar fazendo). Daí meu amigo perguntou, com a maior naturalidade do mundo: "por que tu não estacionaste numa delas?". E aí fiquei eu aqui lembrando de todas os "por quês" que já ouvi, de todos as piadas que já aturei, de todas as vezes que já fui chamada de "cri cri" e de "chata" por não concordar com "mas são só cinco minutos", "é rapidinho" ou "ninguém vai ver". Independente de entrar na onipresença e onisciência de Deus ou do Carma, dependendo no que tu acredites, eu estou vendo. E se eu estou vendo