Postagens

In Death por Anne Magno #6 - Easy - Tammara Webber

Imagem
oi gente estamos de volta com mais uma resenha quentinha! Bom, o livro a ser resenhado hoje não é um lançamento atual, mas, foi lançado esse ano, segundo consta nos dados editorias do livro. Ganhei ele de presente de dia das crianças (sim, com 27 anos ainda sou uma vista como uma criança para alguns membros da minha família!) da minha tia (e companheira de bienal!). Já tinha lido algumas resenhas sobre o mesmo, não tão favoráveis assim, comentando como o livro é meio ´´morno`` se é que dá para entender. Bom chega de suspense, até por que o livro é cheio de drama mesmo, o livro que babaremos, ops… quis dizer comentando hoje é o meu primeiro contato com a escritora Tammara Webber, chamado Easy! Pela capa e pela frase impactante na capa do livro: ´ ´ Ela foi sala por um estranho. Ele é assombrado por um segredo. Às vezes o amor não é nada fácil...`` Eu esperava possivelmente uma narrativa similar às do Travix Maddox (em Belo Desastre), mas eu me surpreendi, e em um ótimo sentido. Amigas,

In Death por Anne Magno #5 - Roberta Spindler - A Torre Acima Do Véu

Imagem
Oi Gente, vim dar sinal de vida no blog! Essa semana estou curtindo uma ressaca literária das mais duradouras (15 dias e contando!), então resolvi tentar me currar dela fazendo resenhas para os queridos blogs em que sou colaboradora. Começando pelo livro queridinho do momento: A Torre Acima Do Véu. Vou fazer uma rápida apresentação para quem ainda não conhece (que absurdoooo!!!!), ok, a fofa da Roberta Spindler é uma das grandes escritoras aqui da nossa amada terrinha, Belém! Ela também é a ´´mãe`` de um dos meus personagens favoritos chamado SETH (guardião, guerreiro, mascarado e nas horas vagas apetitoso) no livro Contos De Meigan (que também super indico). Eu admito, os livros da Roberta, são as únicas exceções desse gênero na minha booklist (até agora), que no todo é composta de romances e fantasias/românticas. E isso acontece porque tenho uma necessidade (quase) patológica de me apegar a um (ou alguns) personagens durante a história! O livro a ser resenhado hoje, foi uma das gra

In Death por Fernanda Karen #03 - Gayle Forman - Se Eu Ficar

Imagem
Sabe aqueles livros sensíveis no ponto certo? Estamos diante de um da espécime. Aproximem-se! “Se eu ficar” é uma obra bela mesmo em meio ao caos. Não é um livro para chorar; por mais que seja meio inevitável ao lidar com seu enredo. É um livro emocionante que, mesmo não sendo auto-ajuda, faz o leitor pensar. A narrativa da autora é suave ao lidar com todos os conflitos que a protagonista passa. Mia tem uma experiência terrível aos 17 anos. Em um acidente de carro, perdeu sua família. Poucos instantes bastam para mudar radicalmente uma vida. Quando Mia se levanta e percebe a seriedade do acidente – seus pais mortos – começa a perder o controle em busca de seu irmão. Mas, estranhamente, ela se encontra inconsciente, com vários machucados aparentemente graves e com um batalhão de resgate trabalhando para mantê-la viva. “ Será que morri? ” Ela pensa. Mas se estivesse morta, os paramédicos estariam trabalhando no seu corpo? A partir daí, o leitor será levando em uma viagem que nada tem de

In Death por Lilian Sinfronio #07 - Maurício Gomyde - A Máquina de Contar Histórias

Imagem
Por Lilian Sinfronio Olá queridos e queridas que, de quando em vez, clicam aqui por este blog amour <3 Hoje quero falar sobre mais um lançamento da editora Novo Conceito, pelo selo Novas Páginas, do comentado e badalado Maurício Gomyde . Autor muito comentado por todo o seu carisma com fãs e blogueiros, seu empenho com os quatro livros lançados de forma independente e sucesso entre a maioria dos que leem seus livros. Sempre quis conhecer o cara e, com A Máquina de Contar Histórias, chegou a minha vez. O cara jogou baixo comigo ao usar uma frase do Haruki Murakami no início do livro, muito baixo rs. Adoro esse japonês e a sua determinação ferrenha na arte de escrever: Quando paramos para escrever um romance, quando usamos a escrita para criar uma história, queiramos ou não, um tipo de toxina que jaz nas profundezas de toda a humanidade sobe à superfície. Todo escritor precisa ficar cara a cara com essa toxina e, consciente do perigo envolvido

In Death Por Anne Magno #4 - A. C. Meyer - Louca Por Você

Imagem
Amados, voltamos com mais um surto literário direto das minhas aquisições da Bienal Internacional do Livro 2014. Uma das surpresas que vieram na minha mala para Belém, foi o livro fofíssimo da escritora A. C. Meyer que também é uma fofa. Um romance nacional que super promete, é o livro a ser resenhado  #JÁ!. Já tinha observado uma certa mobilização dos fãs desse livro nas redes sociais antes mesmo de chegar em Sampa. Então coloquei ele na minha check list, o triste é que não consegui ele autografado, mas o que suprimiu a minha momentânea tristeza, foi o super papo que bati com a autora via Twitter. Gente, ela responder praticamente todas as menções, tira dúvidas dos livros e ainda te dá dicas sobre os próximos. Sim, você leu direitinho, há sim uma sequência guardada para o livro. Geralmente quando a gente termina #AQUELE livro, dá ´aquela` vontade louca, e abrasadora de sair comentado sobre tudo a respeito do livro, e como ainda não emprestei ele para as amigas, fiquei meio refém do Tw

In Death por Fernanda Karen #02 – Tahereh Mafi – Liberta-me

Imagem
Olá, meus queridos! Vamos dar continuidade ao amor que é a trilogia "Estilhaça-me", lançada pela Editora Novo Conceito em terras tupiniquis. A resenha pode conter alguns spoilers do livro 1 (vejam a resenha aqui !). “Liberta-me” é o segundo livro da trilogia “Estilhaça-me” e, sério, Tahereh Mafi não está para brincadeiras! O estilo desta autora é diferente e ousado. Poderia muito bem não dar certo (o que é a opinião de algumas pessoas, certamente), mas do meu ponto de vista, esses livros são incríveis! Talvez alguns achem que os estou superestimando. Bem, talvez. Sou completamente apaixonada pela série. Mas não muda o fato que os livros são muito sensoriais. “Liberta-me”, em particular, é muito intenso. Juliette enfim descobriu que não era a única com habilidades especiais. Por mais que seu dom seja uma maldição de sua perspectiva, é consolador saber que existem outros diferentes. Inclusive, Adam. Adam pode tocá-la. E isso é incrível. É o céu. 17 anos de solidão e enfim outro

In Death por Lilian Sinfronio #06 – Liane Moriarty – O Segredo do MeuMarido

Imagem
Há tantos segredos em nossas vidas que nunca conheceremos.   Olá :) Mais um livrinho lido pela colaboração do Grupo do Skoob, Livro Viajante. Ôh negócio viciante rs Minha curiosidade sobre esse livro sempre esteve nas alturas pela divergência de opiniões que vi quando do lançamento. Parecia sempre trazer sentimentos como amei ou odiei e adoro tomar partido nesses casos, após ler poder dar minha opinião. Essas sensações extremas em leituras aguçam minha curiosidade, porque fico me questionando em qual dos lados eu brigaria. O livro tem a cara do título que possui, totalmente baseado em um segredo guardado por muitos anos e que se ramificou, ganhou vida própria e afetou mais vidas do que seria de se esperar. Sobre a história, o livro fala sobre Cecília Fitspatrick, mulher de sucesso em seu meio social, mãe de três filhas adoráveis e membro reconhecido por seu brilhantismo no papel de esposa, mãe e filha. Seu marido escreveu uma carta para ser aberta quando do seu faleciment